iPhone 14: novo recurso falha e Apple responde (vídeo)

Mónica Marques
Comentar

A nova série iPhone 14 está equipada com sensores que trazem novos recursos como a deteção de acidentes de carro.

Mas quando submetido a um teste de acidente, o iPhone 14 falhou redondamente várias vezes consecutivas. Perante o sucedido a Apple já veio a público esclarecer a situação.

iPhone 14 falha deteção de acidente em teste a novo recurso

Uma das novidades da nova série iPhone 14 é a integração de sensores que permitem a utilização de novos recursos, como por exemplo, deteção de acidentes de carro. Na prática, a funcionalidade não só deteta que o utilizador sofreu um acidente de carro como também alerta as autoridades para o sucedido.

Recentemente, o Wall Street Journal decidiu testar o novo recurso. Para efetuar o teste, uma jornalista do órgão de comunicação norte-americano foi para um ferro-velho de carros com um motorista de derby profissional. Durante todos os testes, o motorista tinha um Apple Watch Ultra no pulso enquanto o iPhone 14 foi colocado, juntamente com um Google Pixel 6, num segundo carro que iria sofrer o embate.

O teste consistia em fazer embater o carro com o motorista no carro estacionado que tinha no interior os smartphones Apple e Google. Após ter sido feita a simulação do acidente, havia boas e más notícias para a Apple.

O Apple Watch Ultra detetou todos os embates, mas o iPhone 14 colocado no carro que sofria o impacto nunca detetou a simulação do acidente. Nota para o Google Pixel 6 que detetou um dos choques.

Apple responde a falhas no recurso de deteção de acidentes do iPhone 14

Perante o sucedido, a Apple já veio a público prestar alguns esclarecimentos relacionados com o novo recurso de deteção de acidentes.

Um porta-voz da empresa afirmou que as condições do teste realizado pelo Wall Street Journal não preenchiam os requisitos mínimos para ativar o recurso. A Apple forma que, muito possivelmente, o sensor do iPhone não recebeu sinal suficiente, visto que não havia conexão Bluetooth ou CarPlay.

A empresa vai mais longe e diz que o veículo onde estava o iPhone 14 não viajou o suficiente antes da simulação do acidente. Caso o iPhone 14 recebesse mais indicações do GPS que mostrassem que o veículo estava em movimento numa estrada real, melhor o recurso iria funcionar, explica a Apple.

Por outro lado, a Apple tem um aviso no iPhone 14 que alerta para o facto de este recurso não ser 100% eficaz na deteção de acidentes e que a empresa não poderá ser responsabilizada por uma eventual falha.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt