iPhone 12 vai desapontar com a capacidade das suas baterias

Carlos Oliveira
1 comentário

Uma das melhorias mais aclamadas nos iPhone 11 foi o incremento na capacidade das suas baterias. Com células maiores, aliadas a um processador mais eficiente, estes modelos foram rapidamente elogiados pela sua autonomia. Porém, isso poderá ser coisa do passado.

Se aquilo que a MySmartPrice está a avançar se confirmar, a Apple vai reduzir o tamanho das baterias nos iPhone 12. Segundo a fonte, a americana certificou recentemente três novas baterias que deverão destinar-se aos seus novos smartphones.

Capacidade das baterias dos iPhone 12

  • iPhone 12 (5.4 polegadas) – 2227 mAh
  • iPhone 12 Max (6.1 polegadas) – 2775 mAh
  • iPhone 12 Pro (6.1 polegadas) – 2775 mAh
  • iPhone 12 Pro Max (6.7 polegadas) – 3687 mAh

Caso estes dados se venham a confirmar, serão certamente um dos pontos que menos agradarão a todos os fãs. Isto irá ressuscitar o receio dos utilizadores de não ter autonomia suficiente até ao final do dia.

iPhone 12

Algo que irá potenciar esse receio será a implementação do suporte a redes 5G. É sabido que esta tecnologia requer mais energia do equipamento, logo a quebra na autonomia dos iPhone 12 poderá ser ainda maior.

Em contrapartida, teremos um novo processador, com uma nova litografia, que deverá aumentar a sua eficiência. Ainda assim, o suporte às redes 5G poderá eliminar os ganhos energéticos do seu processador face à geração anterior.

Maiores velocidades de carregamento poderão ajudar a disfarçar o problema

Acompanhando as mesmas certificações, temos dados de dois carregadores: 5W e 20W. O primeiro é o que habitualmente a Apple incluiu na caixa dos seus smartphones, mas ao que parece, este ano a empresa não irá oferecer nenhum.

A certificação de um adaptador de 20W é um indicador de que a Apple poderá aumentar ligeiramente as velocidades de carregamentos dos novos iPhone 12. Isso seria uma pequena recompensa face à perda expectável de autonomia dos novos modelos.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.