Intel e Broadcom demonstram velocidades impressionantes com o padrão Wi-Fi 7

Carlos Oliveira
Comentar

A Intel e a Broadcom fizeram recentemente uma apresentação conjunta para demonstrar o potencial do próximo padrão de redes sem fios, o Wi-Fi 7. Esta demonstração revela que será possível atingir velocidades de até 5 Gbps.

Estes valores representam velocidades cinco vezes superiores às alcançadas com o padrão Wi-Fi 6 ou 2,5 vezes superiores ao padrão Wi-Fi 6E. Com efeito, o futuro da internet sem fios é bastante promissor.

Wi-Fi 7 promete revolucionar a internet sem fios

Para a demonstração que poderás ver acima foi utilizado um portátil equipado com processador Intel e um ponto de acesso da Boradcom. Uma demonstração que serviu para comprovar o estado adiantado de desenvolvimento do Wi-Fi 7.

Esta demonstração foi realizada com o auxílio de três portáteis com diferentes padrões Wi-Fi configurados. O primeiro utiliza o padrão Wi-Fi 6, o segundo o padrão Wi-Fi 6E e o último com o vindouro Wi-Fi 7.

Facilmente percebemos que, conforme avançamos da esquerda para a direita, as velocidades alcançadas sobem. Mas mais impressionante é verificarmos que o Wi-Fi 7 consegue providenciar até cinco vezes mais de velocidade que o Wi-Fi 6.

Claro que ainda é muito cedo para replicar estes resultados e, provavelmente, foram utilizados produtos otimizados para poderem alcançar tais velocidades. Todavia, isto comprova que é possível atingir os 5 Gbps com o próximo padrão de redes Wi-Fi.

Não só de velocidade será constituído o Wi-Fi 7, pois este padrão terá ainda como missão melhorar a quantidade e estabilidade dos equipamentos conectados. Para tal, este padrão utilizará a banda 6 Ghz e uma largura mais ampla do canal 320 MHz.

Contará ainda com a tecnologia MLO para a atribuição dinâmica de diferentes canais e frequências. Tudo para proporcionar melhores velocidades, menor latência e menor interferência.

Realidade Virtual será uma das grandes beneficiárias do Wi-Fi 7

Atendendo às promessas do Wi-Fi 7, as áreas da Realidade Virtual e Aumentada sairão bastante beneficiadas com este padrão de redes. Graças a mais velocidade e menor latência, será possível transmitir vários vídeos de alta resolução, em simultâneo, através da rede.

Estas vantagens poderão ainda ser aproveitadas pelos gamers. Sobretudo as esperadas baixas latências que permitirão uma resposta em tempo real que poderá ser imprescindível em jogos competitivos.

Só poderemos beneficiar destas vantagens quando todos os equipamentos que utilizarmos estiverem preparados para o Wi-Fi 7. Os primeiros a receberem o suporte para este padrão deverão ser os portáteis, smartphones e motherboards.

Só posteriormente começaremos a ver routers equipados com a tecnologia necessária para o Wi-Fi 7. A certificação oficial deste padrão poderá ocorrer já em 2023, com os primeiros produtos a chegarem ao mercado na segunda metade do ano.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.