Huawei: entrada no ramo dos carros elétricos pode acontecer este ano

Bruno Coelho
Comentar

A Huawei quer entrar no mercado de carros elétricos. Quem avança com a notícia é a agência Reuters, que se apoia em quatro fontes para afirmar que a Huawei pode apresentar a sua solução de mobilidade elétrica ainda este ano.

Ao que é referido pela fonte, a Huawei estará em constantes conversações com a Changan Automobile, mas também outras fábricas de automóveis. O objetivo será usar as superfícies já existentes para a construção do seu modelo próprio.

Huawei pode mudar foco para o segmento de carros elétricos este ano, diz a Reuters

A fabricante chinesa já estará a desenhar os seus futuros carros elétricos, e esta pode ser uma mudança de estratégia dois anos após ter sofrido um banimento por parte dos Estados Unidos. Este não lhe permite negociar diretamente com empresas americanas, salvo raras exceções.

Recorde-se que uma das consequências mais duras do banimento para a Huawei foi deixar de poder utilizar os serviços da Google nos seus smartphones, que os torna pouco apetecíveis fora da China. Essas mesmas sanções resultaram na venda subsidiária Honor que já atua de forma totalmente independente.

Uma das fontes da agência Reuters refere o que líder da Huawei, Richard Yu, irá mudar o foco para os veículos elétricos. E é ainda avançado que objetivo é poder ter veículos com grande expressão no mercado.

Só na última semana, a Huawei terá registado quatro patentes ligadas a veículos elétricos. Entre estas encontram-se métodos de carregamento e verificação de bateria, segundo as patentes analisadas pela Reuters.

Como são discussões privadas, todas as fontes recusaram ser nomeadas. Um porta-voz da Huawei refere que a empresa “não é fabricante de automóveis”. Contudo, planeia “focar-se em conteúdo digital para carros e fabricar componentes permitindo às fabricantes construirem melhores veículos”.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.