HTC-Hima-Ace-concept-by-Hasan-Kaymak-7Como melhorar um dos melhores smartphones de 2014? Em que é que o HTC One M9  nos pode surpreender este ano?

O HTC One M8 foi um dos smartphones que quase me convenceu, no ano passado. Será que em 2015 terá tudo o que exijo de um terminal? Será o HTC One M9 o equipamento perfeito para mim e para ti?

HTC One M8 peca, a meu ver, por ser demasiado alto, ter uma bateria medíocre (2600 mAh), uma câmara que foi um fracasso e ter o botão On/Off no topo e pela interface demasiado escura (a nova sense UI com Lollipop deverá resolver isso). Com isto, estou já a apontar o que quero ver corrigido no HTC One M9.

   

Mas o que é que os vários rumores têm dito? É hora de fazer um sumário e ver as prováveis especificações, design e outros aspectos relevantes do HTC One M9.

Especificações:

Começando pelas suas especificações, sem grandes surpresas, poderemos contar com um processador Snapdragon 810 com arquitectura de 64-bits, feito pela Qualcomm. Em termos de memória RAM, poderemos contar no mínimo com 3GB, o armazenamento interno será, muito provavelmente de 32/64 GB, com possibilidade de expansão via microSD até 128 GB e até um leitor de impressões digitais.

Podemos também contar com uma gráfica Adreno 430 e os míticos altifalantes duplos frontais BoomSound da HTC. O Qualcomm Snapdragon 810 é o coração que estará presente em todos os principais flagships de 2015 e o HTC One M9 não será excepção.

Bateria:

A bateria indicada para o HTC One M9 terá, ao que tudo indica, uma capacidade de 2840 mAh, não amovível. Apesar de não ser das maiores no mercado, já é um incremento substancial dos 2600 mAh presentes no HTC One M8. Veremos até que ponto, este aumento da capacidade de bateria, aliado às optimizações de software irão aumentar a autonomia do dispositivo.

A autonomia de um smartphone é, pelo menos para mim, um dos pontos decisivos na hora da compra e ainda bem que a HTC não descuidou este aspecto.

Ecrã:

Este é sempre o ponto mais importante em qualquer smartphone, é a nossa via de comunicação e interacção com o dispositivo, portanto adquire o título de ponto-chave.

Será 2015 o ano em que veremos os ecrãs a diminuir pela primeira vez? Segundo os rumores, o ecrã do HTC One M9 terá 5 polegadas de diagonal ou, no máximo, 5.2 polegadas.

Não seria uma má jogada, caso diminuam as margens, um ecrã de 5 polegadas ou 5.2 chega perfeitamente, aliás, acima disso torna-se muito pouco confortável para o utilizador comum.

Vê ainda: O Smartphone perfeito para a 4GNews

Design:

O design do HTC One M8 é quase perfeito, é pena ser bastante alto e um pouco escorregadio, portanto deveremos ter um HTC One M9 muito semelhante ao seu antecessor com uma construção unibody ou unibloco em alumínio, ligeiramente curvo na traseira para se ajustar á sua mão.

É difícil aperfeiçoar uma fórmula quase perfeita e pelos vários leaks, tudo indica que será mais elegante, as margens serão menores, o botão On/Off foi deslocado para a lateral direita e, no geral, a ergonomia será melhor.

Terá, além disso, uma bonita versão em metal dourado além do metal escuro e claro. E, quando comparado com o seu antecessor, podemos ver as diferenças, além da nova capa HTC Dot View Case.

Câmara:

Este é um dos pontos mais sensíveis do HTC One M9. Após o fracasso da tecnologia UltraPixel, a HTC teve que reformular todo o seu departamento fotográfico e fê-lo com aparente sucesso no HTC Desire Eye e na HTC RE.

Segundo alguns rumores, o HTC One M9 vai nos surpreender com um  duplo sensor de 20 MPx, Sony Exmor RS IMX220, na parte traseira, com dual-tone flash e uma câmara de 4MPx UltraPixel na parte frontal.

No entanto, segundo outras fontes, o HTC One M9 terá apenas uma câmara traseira de 20MP com o sensor referido acima, e na parte frontal, uma câmara de 13 MP ou então a UltraPixel de 4 MP.

Variantes:

Apesar de nada estar confirmado, podem contar com mais do que uma versão ou variante do flagship. Dia 1 de Março ficaremos finalmente a saber toda a verdade sobre o HTC One M9.

Talvez queiras ver:

Todas as fotos do HTC One M9

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).