Google revela os smartphones Pixel 6 e Pixel 6 Pro com chip Tensor

Rui Bacelar
1 comentário

A Google revelou os novos smartphones Google Pixel 6 e Google Pixel 6 Pro, para além de um novo processador, o seu Tensor. Fê-lo mais uma vez à revelia das fugas de informação, rumores e previsões. Foi uma total surpresa e caberá agora ao leitor atribuir uma avaliação a estes dois futuros embaixadores do sistema operativo Android 12.

O lançamento dos novos smartphones Google Pixel 6 e Google Pixel 6 Pro só ocorrerá em outubro próximo. Todavia, a gigante norte-americana decidiu revelar os produtos antes do tempo, dando particular destaque ao seu primeiro System on Chip (SoC), o processador Google de primeira geração que estreará nestes smartphones.

Eis os novos smartphones Google Pixel 6 e Google Pixel 6 Pro

Google Pixel 6 Pro
A traseira e módulo fotográfico do Google Pixel 6 Pro.

A tecnológica divulgou as novidades através de uma publicação no seu blog, The Keyword, além de conceder a algumas publicações como o The Verge e a Wired a oportunidade de passar algumas horas com ambos os terminais.

O destaque, em ambos os casos, foi dado às câmaras fotográficas, um já tradicional bastião da tecnológica, para além do novo design e processador Tensor.

Here's a sneak peek at the newest Google Phones powered by Google Tensor - the brand new chip designed by Google, custom-made for Pixel. Meet:📱 #Pixel6📱 #Pixel6 ProBoth are coming later this year.We’ll tell you a little about them in this 🧵 👇(1/13) pic.twitter.com/SRhzvRA7WC

— Made By Google (@madebygoogle) 2 de agosto de 2021

"Os Pixel 6 e Pixel 6 Pro estrearão durante o outono. Nessa altura partilharemos todos os detalhes de uma apresentação habitual, desde as novas funções às especificações técnicas, bem como o preço e disponibilidade. Hoje, contudo, fazemos uma pré-visualização daquilo que está a chegar.

O novo duo de smartphones Android também prima pela qualidade de construção

Google Pixel 6
As cores e design geral do smartphone Google Pixel 6 Pro.

A gama Google Pixel 6 é feita de novos materiais e receberá novos acabamentos e esquemas de cor, tal como o ilustram as imagens. A versão "Pro" terá um acabamento em alumínio polido na estrutura e alumínio fosco na sua traseira. A confirmação foi feita pelo responsável máximo do setor de hardware da Google, Rick Osterloh.

"Reconhecemos que não tínhamos o que era necessário no segmento ultra-high-end no passado. E esta é a primeira vez em que sentimos que realmente conseguimos", aponta Osterloh.

Google Pixel 6
As cores e design geral do smartphone Google Pixel 6.

Segundo o testemunho do The Verge, o novo par de smartphones é a típica sandwich de vidro e metal onde a qualidade de construção é notória. Sendo comparável às melhores ofertas da Samsung, Apple e Huawei, esperamos a melhor qualidade de construção de acordo com os padrões atuais.

As especificações técnicas dos novos Google Pixel 6

A Google foi muito comedida nas caraterísticas reveladas para os seus smartphones. Não obstante, para o Pixel 6 Pro apontam-se as seguinte caraterísticas:

  • Ecrã de 6,7 polegadas com resolução Quad-HD+, ligeiramente curvo nas margens
  • Taxa de atualização a 120 Hz
  • Processador: Tensor
  • Chip de segurança: Titan M2
  • Câmaras: Nova câmara primária com objetiva grande angular "que capta 150% mais luz", nova câmara com objetiva ultra-grande angular, câmara com objetiva telefoto (periscópica) 4x
  • Leitor de impressões digitais embutido no ecrã
  • Construção em alumínio e vidro

O Pixel 6, a versão base, será bastante similar à versão Pro nas caraterísticas mais importantes. Terá, contudo, as suas especificidades como o ecrã de menores dimensões - 6,4 polegadas com resolução Full-HD+ com taxa de atualização a 90 Hz.

O Tensor é o primeiro processador desenvolvido pela Google

Google Tensor

O nome do novo chip pode parecer algo peculiar, mas é exatamente esta a nomenclatura avançada pela Google. Temos assim o SoC Tensor, o chipset ou processador para ambos os smartphones de nova geração. De acordo com a tecnológica o seu desenvolvimento demorou quatro anos de investigação, culminando agora nesta apresentação.

Infelizmente não temos mais caraterísticas técnicas e especificidades do processador para dar a conhecer. Sabemos, contudo, que a empresa dedicou grande atenção à Inteligência Artificial que ajudará a otimizar a experiência de utilização do smartphone.

Ficamos a saber que estes algoritmos ajudarão o utilizador a ter a melhor experiência de utilização possível em determinados cenários. Esta é a extensão das informações avançadas pela Google até ao momento sobre os novos produtos.

Ambos os smartphones chegam em outubro com o Android 12

We made a chip!#Pixel6 is powered by our first ever smartphone SoC: meet Google Tensor(5/13) pic.twitter.com/0Kts53Tfqm

— Made By Google (@madebygoogle) 2 de agosto de 2021

O processador será capaz de dedicar mais recursos à fotografia computacional, à otimização gráfica e processamento da imagem. As capacidades deste novo chip só serão conhecidas na íntegra em outubro, mas até lá contamos com mais informações.

Ficamos com a clara impressão que a Google olha de forma mais séria para o segmento do hardware em 2021. Há um esforço extra em reforçar palavras como ultra-premium e uma forte ênfase na qualidade de construção do produto.

Material You will be best on #Pixel6.The colors, the camera, the form, and what’s on the screen all work together in a single, fluid experience. (9/13) pic.twitter.com/K6BRF9ZKEY

— Made By Google (@madebygoogle) 2 de agosto de 2021

Resta saber se os smartphones são realmente algo novo para neste mercado mobile, mas certo é que a Google nos deixou curiosos. Teremos que aguardar pelas primeiras análises e pela ficha técnica completa.

Ambos os smartphones serão formalmente apresentados em outubro próximo, chegando ao mercado com o sistema operativo Android 12 e a nova interface e filosofia de design Material You.

Do novo chip Tensor, ao design industrial e a promessa de novas proezas fotográficas, será 2021 o ano do Pixel?

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.