Google promove Pixel 7 no Twitter a partir de um iPhone

Mónica Marques
Comentar

Recentemente, a Google cometeu um erro, no mínimo, caricato que ficou à vista de toda a gente na rede social Twitter.

A gigante de pesquisas fez uma publicação para promover a nova série de smartphones Pixel 7, a partir de… um iPhone!

Google publicita Pixel 7 com um iPhone

Publicação Google feita a partir de um iPhone
Esta foi a publicação Google feita a partir de um iPhone que entretanto foi apagada do Twitter Crédito@Gizchina

Nesta última semana, a Google quis promover a nova série Pixel 7 na rede social Twitter. Até aqui, nada de estranho. Mas quando a publicação foi analisada mais em pormenor, constatou-se que a Google promoveu o seu smartphone de topo a partir de… um iPhone!

Depressa a publicação desapareceu da rede social, mas tarde demais, vários utilizadores e órgãos de comunicação tinham já imagens a documentar este erro caricato.

A 18 de outubro quando a Apple lançou os novos modelos de iPad Pro com o chip M2, a Google respondeu a esse anúncio com mais publicações promotoras aos seus smartphones. Mas nesse caso teve o cuidado de usar a versão web da rede social Twitter.

Passados poucos dias, descuidou-se e é “apanhada em flagrante” a usar o smartphone da rival para divulgar os seus próprios produtos e iniciativas.

Por muito caricato que este erro seja, não é a primeira vez que acontece. Em janeiro de 2021, a Samsung fez exatamente a mesma coisa para promover o seu evento Galaxy Unpacked. Mais: em 2018, a gigante sul-coreana tinha já usado um iPhone para promover o ecrã do Galaxy Note 9.

Parece que o iPhone é usado por muitas rivais da Apple. Quem sabe numa perspetiva de testar a concorrência, o que é válido, mas deverá isso ser confirmado com estas situações nas redes sociais?

Série Pixel 7 da Google regista problemas

Entretanto, outras notícias relacionadas com a Google dão conta de que existem alguns problemas nos smartphones Pixel 7.

De acordo com relatos de alguns utilizadores, o ecrã do smartphone Pixel 7 Pro drena bastante rapidamente a bateria do terminal. Mas parece que os problemas não se ficam por aqui.

Outros utilizadores estão também a queixar-se, nas redes sociais, de que se o conteúdo exibido no ecrã for muito longo, o terminal regista dificuldades no deslizamento. Outros relatos dizem ainda que os gestos de deslizar para a esquerda e direita não funcionam corretamente em algumas aplicações.

Mas parece que a Google está consciente destas dificuldades e está já em desenvolvimento uma atualização que vai corrigir os problemas de reconhecimento de gestos.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt