Google Pixel 3 não suportam carregamento rápido sem fios de terceiros

Carlos Oliveira
Google Pixel 3 Pixel Stand
Eis o novo Google Pixel 3 XL e o Pixel Stand

Os novos Google Pixel 3 e Pixel 3 XL estão à poucos dias no mercado, mas a sua vida não tem sido fácil. Até então este par está a demonstrar alguns problemas, o que não lhes confere um arranque descontraído no mercado.

Relatos iniciais dão já conta de alguns problemas na gestão de memória destes equipamentos. Assim sendo, começam a surgir as primeiras dúvidas em torno da opção de incorporar apenas 4GB de RAM nos Google Pixel 3.

Vê ainda: Xiaomi Black Shark Helo oficial: Primeiro smartphone com 10GB de RAM

Para além disso, temos relatos de distorção no som reproduzido por alguns exemplares do Pixel 3 XL. Ainda no que diz respeito às colunas do smartphone, existem relatos de diferentes níveis de volume.

Como se isto não fosse o bastante, há uma certa controvérsia em torno da facilidade com que a traseira destes smartphones risca. Como podes ver, mais um ano em que os novos equipamentos da Google não têm um arranque sem problemas.

Google Pixel 3 não lida bem com carregadores sem fios que não o Pixel Stand

A juntar a este leque de temas, temos hoje um novo relato relativamente ao carregamento sem fios dos Google Pixel 3. Em primeiro lugar, importa relembrar que este foi o primeiro ano em que os Pixel suportam carregamento sem fios.

A empresa de Mountain View lançou ainda o seu próprio carregador sem fios. Este é compatível com carregamento até 10W de energia. Mas o Pixel Stand faz bem mais do que apenas carregar o smartphone.

Sendo os Google Pixel 3 dotados de carregamento sem fios Qi, seria de esperar que as mesmas potencialidades pudessem ser reproduzidas com outros acessórios. Mas não é bem esse o caso.

Google Pixel Stand

Esta dúvida levantou-se graças ao relato de um um utilizador do Pixel 3 XL. Este notou que o seu exemplar demorava muito tempo a carregar com o Anker PowerWave Fast Wireless Charger Stand. Embora este carregador suporte até 10W de potencia, o novo smartphone da Google estava a receber apenas 5W.

A Google está deliberadamente a limitar a energia recebida pelos Pixel

Rapidamente o pessoal do Reddit foi investigar o caso mais a fundo. Assim, confirmaram discrepâncias nos tempos de carregamento entre este carregador e o Pixel Stand. Mas quando muitos poderiam pensar ser um problema isolado deste carregador, eis que surge a noticia de que tal poderá ser, afinal, culpa da própria Google.

Google Pixel Câmara atualização

Investigando um pouco mais a fundo a situação, foi descoberto que os Google Pixel 3 e 3 XL possuem uma limitação para carregadores terceiros. Por conseguinte, o comportamento relato certamente poderá ser replicado com recurso a outros carregadores do género.

Em conclusão, isto leva-nos a crer que a Google pretende criar uma certa exclusividade para o seu Pixel Stand. Ao limitar as velocidades de carregamento recebidas, a empresa está como que a empurrar os consumidores a comprar o seu acessório.

Sob o mesmo ponto de vista, acreditamos que, caso seja vontade da Google, este problema possa ser facilmente resolvido com uma atualização de software. Mas, para isso, é necessário haver vontade da parte da tecnológica.

Editores 4gnews recomendam:

HTC EXODUS 1: Smartphone dedicado a criptomoedas está a chegar!

Apple iPhone XR arranca com o pé direito ainda em fase de pré-venda

Mensagens Android: Atualização com mudanças relevantes está aqui!

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.