Google manterá projeto de smartphone personalizável da Motorola

Filipe Alves
Reprodução

A venda da Motorola para a Lenovo pegou muita gente de surpresa. No entanto, apesar de ter adquirido a empresa por US$ 12,5 bilhões em 2012 e a vendido por US$ 2,9 bilhões, o Google continuará controlando boa parte das patentes e projetos da empresa.

Um desses projetos é o grupo Advanced Technology and Projects, responsável pelo desenvolvimento do Project Ara - smartphone modular personalizável com peças substituíveis.

A informação foi confirmada em uma conferência realizada ontem pela Lenovo. Os projetos do grupo devem ser integrados ao time do Android, liderados por Sundar Pichai.

O Project Ara surgiu após o sucesso do conceito apresentado por Dave Hakkens chamado "PhoneBloks", que conseguiu mais de 1 milhão de simpatizantes. A Motorola então contatou Hakkens para uma parceria para oferecer smartphones personalizáveis ao mercado.

O plano é utilizar os recursos e alcance do Google para acelerar o projeto, bem como desenvolver outras ideias como tatuagens de segurança e sensores biotecnológicos.

O Google também manterá as patentes desenvolvidas pelo grupo Advanced Technology and Projects, embora a Lenovo terá uma licença para utilizá-las.

Relembre o projeto PhoneBloks:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.