Google está prestes a apresentar a sua alternativa ao ChatGPT

Carlos Oliveira
Comentar

A Google não passou indiferente à popularização do ChatGPT ao longo dos últimos meses. Este chatbot desenvolvido pela OpenAI ganhou imensa notoriedade junto dos utilizadores e a gigante norte-americana trabalha em contra relógio para desvendar e apresentar a sua alternativa.

Esta é a informação que podemos retirar do mais recente relatório do The New York Times. A proposta da Google semelhante ao ChatGPT é agora uma das suas prioridades e será apresentada pela norte-americana muito em breve.

Google em alerta máximo face à popularidade do ChatGPT

O órgão de imprensa norte-americano faz saber que a Google mudou drasticamente os seus planos face ao sucesso que o ChatGPT colheu nos últimos meses. É mesmo mencionado que a Google encontra-se em "alerta vermelho" face ao sucedido.

Google

A consequência nota-se num acelerar do desenvolvimento das suas soluções de Inteligência Artificial. Pelo menos 20 novos serviços nesta área estão a ser desenvolvidos nos escritórios da empresa, sendo um deles um chatbot inteligente.

Este será empregue no seu motor de pesquisa de modo a oferecer uma alternativa àquilo que o ChatGPT já oferece de forma gratuita. Uma solução que deverá ser desvendada por ocasião da Google I/O.

Google I/O 2023 irá certamente falar muito de Inteligência Artificial

A principal conferência anual da Google ocorrerá uma vez mais em maio e este ano olha-se para a Inteligência Artificial como tema principal do evento. Será, portanto, o palco ideal para a apresentação da alternativa da Google ao ChatGPT.

Para isso, Sundar Pichai, CEO da Google, terá chamado dois dos fundadores da empresa para ajudarem a sua equipa a construir este produto. Falo de Larry Page e Sergey Brin que darão o sua preciosa contribuição na revisão dos planos de IA da empresa.

A popularidade do ChatGPT é tanta que até a Microsoft já anunciou que irá integrar as suas vantagens no seu motor de busca Bing. Este terá sido outro acontecimento que incitou a Google a acelerar os seus esforços para o desenvolvimento de algo semelhante.

Um desenvolvimento que estará, ainda assim, a decorrer com todas as precauções essenciais. A solução da Google terá de ser segura, precisa e capaz de bloquear qualquer desinformação.

Segundo Pichai, a Google prepara-se para apresentar "algumas experiências totalmente novas para utilizadores, programadores e empresas. Temos uma oportunidade substancial à nossa frente com IA nos nossos produtos e estamos preparados para abordá-la com ousadia e responsabilidade".

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.