Google acaba hoje com o serviço de mensagens Google Allo

Filipe Alves

O Google Allo diz hoje o seu último adeus a todas as plataformas. Hoje é o dia em que a empresa de Mountain View decidiu acabar com a aplicação que pouco sucesso teve.

O Google Allo foi oficializado em conjunto com o Duo em 2016, porém, nunca conseguiu conquistar os utilizadores. Ainda que o Duo se tenha saído bem no segmento de chamadas de vídeo, a forte concorrência nas aplicações de troca de mensagens fizeram do Allo passar despercebido.

Google Allo

Além disso, o Google Allo nunca ofereceu algo único. Enquanto que no Duo a qualidade das chamadas e som é bem superior a qualquer outro concorrente, o Google Allo não tinha nada por onde se destacar. Ou seja, era mais um serviço de mensagens. Mais uma aplicação que todos os teus amigos tinham de instalar. Todavia, sem nada de verdadeiramente diferente.

Google Allo teve pouco mais de 2 anos para se provar

Assim sendo, a Google decidiu acabar com o Allo. O mesmo aconteceu com a sua rede social Google+ que será descontinuada no próximo mês de abril.

Se és um dos poucos que utiliza o Google Allo não te preocupes porque as tuas conversas podem ser transferidas para a aplicação de Mensagens Android ou Hangouts Meet. Só precisas de exportar as conversas nas definições e importar as mesmas conversas numa outra aplicação que aceite ficheiros .csv ou .zip.

Fica assim o final da história de uma aplicação com potencialidade mas que pouco fez para se destacar. Não me importava de ver as características do Allo dentro do Duo. Afinal de contas o Google Duo é um serviço que começa a ser utilizado por mais pessoas. Seria uma boa forma de as integrar mais na aplicação e nos serviços da marca.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte | Via

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.