Fortnite: streamer tem a casa invadida pela polícia armada devido a brincadeira

Vitor Urbano
Comentar

Kyle 'Bugha' Giersdorf é um dos mais populares jogadores de Fortnite da atualidade, muito graças ao seu recente título de Campeão do Mundo, que lhe arrecadou 3 milhões de dólares. Infelizmente, com a sua grande popularidade, começa também a receber os pontos negativos gerados pela inveja de muitos 'haters'.

Durante uma das suas sessões de streaming, Bugha teve de abandonar o jogo (acabando por ser eliminado), depois de ser ouvido falar com o pai sobre a possibilidade de ter sido 'swatted'. Passados alguns minutos, o Campeão do Mundo de Fortnite voltou à stream, pedindo desculpa aos seus seguidores, confirmando que a sua casa tinha realmente sido invadida pela polícia.

Consequências desta popular 'brincadeira' podiam ter sido muito mais graves

Depois de voltar à sua sessão de streaming, Bugha revelou que todo o aparato ficou resolvido de forma rápida e sem problemas. No entanto, isso apenas aconteceu porque um dos polícias reconheceu o streamer, percebendo rapidamente que tudo não passada de uma 'prank'.

Este tipo de brincadeira/partida tem-se tornado cada vez mais popular na comunidade gaming, tendo mesmo resultado em vítimas mortais. No final de março, um homem de 51 anos na Califórnia (Estados Unidos), foi condenado a 20 anos de prisão depois de ser considerado culpado num caso de "swatting" que resultou numa vítima mortal.

De acordo com as linhas orientadoras publicadas pelo FBI, estas 'brincadeiras' têm como objetivo principal chamar à atenção, não existindo nenhum tipo de motivação financeira. No entanto, acabam por colocar em risco toda a comunidade em risco, visto que os agentes da autoridade ficam 'empatados' em casos falsos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.