A Fitbit parece estar verdadeiramente empenhada no melhoramento de toda a sua oferta. No final de 2016, a Fitbit fez um grande negócio e comprou a Pebble, uma marca que estava a realizar um excelente trabalho no desenvolvimento de smartwatches e isso indicava-nos que a Fitbit usaria todo o conhecimento da última para entrar verdadeiramente no mercado dos relógios inteligentes.

Vê também: Garmin Fenix 5: Finalmente um relógio inteligente com bateria para 2 semanas

   

Se alguém ainda tivesse dúvidas quanto à futura entrada da Fitbit neste nicho de mercado, creio que a sua mais recente compra irá desfazer todas as dúvidas. Ainda que sem terem sido revelados os montantes monetários envolvidos nesta operação, foi-nos agora revelado que a Fitbit adquiriu a Vector.

Para os que não estão tão familiarizados com a Vector, esta trata-se de uma empresa que se tem dedicado ao desenvolvimento de smartwatches de luxo. Os últimos modelos lançados para o mercado pela Vector datam de março de 2015 e contemplam o Vector Luna e o Vector Meridian. Os seus principais trunfos estão na sua autonomia, com esta a poder ascender aos 30 dias.


Ao contrário do sucedido com a compra da Pebble, todos os produtos lançados anteriormente pela Vector continuarão a funcionar devidamente, embora sem melhorias adicionadas, e as suas garantias continuarão a ser prestadas.

Com a compra da Vector, acredito que dentro em breve a Fitbit nos irá surpreender com o seu primeiro smartwatch e que, certamente, irá englobar toda a qualidade de construção a que a Vector nos habituou, aliada ao poder do software da Pebble.

Talvez queiras ver:

Apareceu o primeiro “leak” sobre os novos Galaxy X com ecrã dobrável

Xiaomi Redmi Note 5: Já conhecemos as Especificações e o Preço

Facebook vai colocar anúncios nos vídeos e repartir os lucros

Viaphonearena
Fontevector

O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.