Um olhar detalhado: FIFA 18 - Uma epopeia do desastre

Filipe Alves

Um olhar detalhado: FIFA 18 - Uma epopeia do desastreA gigante dos desportos online, a EA Sports, está a receber um incrível backlash da comunidade relativo ao último jogo da franquia FIFA, o FIFA 18, após ter sido altamente criticada no insucesso que foi, o Star Wars Battlefront 2.

"#FixFifa" passou a ser viral nas redes sociais como forma de protesto, que pouco se revelaram efetivos. A resposta da EA parece insuficiente, corrigindo um bug aqui e ali mas deixando muitos outros pra trás.

Vê ainda: “Corra, Salsicha, Corra” já tem mais de 10 milhões de instalações na Google Play Store

No início do ano foi corrigido um bug no FIFA 18 que diminuía a capacidade defensiva após a saída de bola a meio-campo. Mais recentemente e a ‘pedido’ da comunidade, a EA melhorou as recompensas dos packs, que são nada mais anda menos que versões das loot boxes no FIFA.

FIFA 18 continua a não convencer com as atualizações

Entre os problemas que a comunidade mais se queixa temos por exemplo: o suposto, ‘momento’ que data já de outros jogos, exemplo disso é o FIFA 17. O momento foi descoberto no código do jogo e ‘supostamente’ só é utilizado no modo Single Player. Este ‘momento’ torna o jogo mais fácil para quem está a perder e mais difícil para quem está a ganhar. Fazendo com que os jogadores se comportem de forma estranha falhando remates e passes simples.

É compreensível existência de momento offline, mas online isto diminui o skill gap, contradizendo assim a ideia de ‘skill based game’. Existe também o mito, e daí o update no FIFA 18 que visou a melhoria dos das recompensas dos packs, que o facto de ter mais ou menos vitórias afeta a qualidade dos packs. Beneficiando assim quem perde mais, como forma de os manter a jogar.

O próximo na lista é quando se carrega no botão da XBOX que leva ao homescreen, minimizando a aplicação. Isto causa uma derrota instantânea, não existindo sequer 10 segundos de recuperação de ligação. Isto leva a que muitos façam ‘maroscas’ nos comandos para isto não acontecer.

Imagem de Rafael Fortes

Apesar dos updates a comunidade vê este esforço como insuficiente por parte da EA, tentando reduzir o número de micro- transações para efetivamente causar algum impacto nos lucros.

Estes bugs e glitches chegam também ao youtubers e Pro’s que já se manifestaram acerca deste assunto. Podemos no vídeo abaixo ver um exemplo disso mesmo.

Na minha ótica acho que existe uma disparidade entre a ideias da comunidade e os desenvolvedores, o jogo fica assim a parecer um produto inacabado pelo qual é pago preço de AAA. Só o tempo dirá o futuro deste jogo.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Google Play Store – Hitman Sniper está agora gratuito para Android

Dragon Ball FighterZ já está disponível para a Microsoft Xbox One

Microsoft Store – Kodi volta a estar disponível para Windows 10 e Xbox

https://clips.twitch.tv/BoxyObedientWatercressSmoocherZ

Artigo de Duarte Dias para 4gnews!

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.