Facebook e Twitter vão parar de enviar dados para Hong Kong! Entende

António Guimarães
Comentar

A China é uma nação complicada, com muitas restrições a nível da liberdade de expressão e internet. Essas restrições por vezes dificultam as relações entre empresas internacionais como o Facebook e o Twitter. Contudo, existe Hong Kong, um território semi-autónomo da China.

A maioria das empresas utiliza Hong Kong como uma ponte para fazer negócios no território asiático. No entanto, o Facebook e o Twitter suspenderam o envio de dados para o território, devido à controversa lei de segurança nacional, imposta pelo governo chinês.

Esta lei surgiu na sequência dos protestos em Hong Kong a favor de uma democracia e a mesma pode interferir seriamente com a liberdade dos habitantes de Hong Kong. Enquanto analisam as consequências da lei, ambas as redes sociais mencionadas não vão enviar mais dados de utilizadores para Hong Kong.

hjbhj

De acordo com o Wall Street Journal, a lei é bastante vaga. A mesma refere-se ao aumento de supervisão e regulação nas escolas, universidades, agrupamentos sociais, os meios de comunicação e a internet. Parece um passo clássico de opressão do governo chinês sobre os seus cidadãos.

Contudo, visto que a lei não elabora, o Facebook e Twitter não tem escolha se não suspender o envio de dados para Hong Kong até perceber o que é que esta lei implica, no que toca aos dados dos utilizadores. É irónico ver uma empresa como o Facebook a proteger os dados dos utilizadores mas ainda bem que o está a fazer.

O Telegram, a plataforma de mensagens, também tomou os mesmos passos e suspendeu o envio de dados para Hong Kong.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.