Está a chegar o Xiaomi Poco M2 Pro! O que esperar deste novo smartphone

Filipe Alves
Comentar

A submarca da Xiaomi, Poco, está prestes a revelar mais um smartphone. O Xiaomi Poco M2 Pro deverá ser um terminal intermediário e vai encaixar que nem uma luva no mercado de smartphones por pouco mais de 200€. Pelo menos assim se espera.

Os rumores sobre o smartphone não são muitos, porém, há quem afirme que este telemóvel nada mais será que um "rebrand" do conhecido Xiaomi Redmi Note 9 Pro.

Teaser do Xiaomi Poco M2 Pro

O vídeo foi publicado pela Poco Índia e dá-nos o primeiro vislumbre às linhas do equipamento. Infelizmente não podemos tirar muitas conclusões com este pequeno vídeo. Temos clara ideia que teremos 4 câmaras principais e uma traseira ligeiramente curva nos cantos do smartphone.

Os rumores tem apontado que o terminal chegará com um sensor biométrico lateral, ou seja, com esta decisão também podemos imaginar que o dispositivo não chegará com um ecrã OLED.

Carregamento rápido é um foco de interesse

A Poco tem vindo a publicar na sua página exclusiva da FlipKart, loja online na Índia, algumas imagens que nos dão a entender que um dos focos deste Xiaomi Poco M2 Pro será a velocidade de carregamento.

É plenamente plausível que o terminal chegue com mais que 20W de carregamento, porém, não esperes que o smartphone venha a competir com os topo de gama da Xiaomi. Mesmo que seja só no carregamento rápido.

Xiaomi Poco M2 Pro será revelado no dia 7 de julho

A Xiaomi confirmou ainda que o novo Xiaomi Poco M2 Pro chegará de forma oficial no dia 7 de julho. Não temos a informação dos possíveis mercados deste smartphone. Todavia, se o terminal for idêntico ao Redmi Note 9 Pro não nos parece que possa vir a chegar a Portugal.

Editores 4gnews recomendam:

  • Design do “novo” dobrável da Samsung com 5G é revelado. Vais ficar desiludido
  • PlayStation 5: este será o preço de todos os acessórios da PS5
  • OnePlus Nord: primeiras imagens reais do smartphone revelam o seu design
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.