Epic Games consegue decisão favorável no processo contra a Apple!

António Guimarães
Comentar

O conflito entre a Apple e a Epic Games parece estar mais perto de chegar a uma conclusão. De acordo com a Bloomberg, o tribunal da Califórnia decidiu de uma forma favorável para a Epic Games, e de certa forma também para a Apple.

A decisão final foi que a Apple tem direito de manter o Fortnite banido da App Store, mas não o Unreal Engine. Desta forma, a Epic Games e os seus programadores continuam a ter acesso às ferramentas de desenvolvimento da Apple com o motor de jogo.

gfddgf

Assim sendo, programadores que utilizem o Unreal Engine podem continuar a desenvolver jogos para a App Store, sem problemas. A Apple foi muito extrema na sua tentativa de banir o Unreal Engine só porque é o mesmo motor utilizado para o Fortnite.

Entretanto, o Fortnite vai manter-se fora da App Store. Desta forma, a única maneira de utilizadores de iOS jogarem Fortnite nos seus iPhones/iPads é indo diretamente ao site da Epic Games e instalando "por fora".

Taxa de 30% da Apple começou tudo

Este conflito entre a Epic Games e a Apple começou porque a empresa da maçã cobra 30% de todas as transações feitas na sua loja de aplicações. Esta taxa é a mesma cobrada pela Google Play Store e várias empresas já se queixam disto há anos, como o Netflix e o Spotify.

Tirar o Fortnite da App Store até foi um favor que a Apple fez à Epic Games. Durante o processo em tribunal, a juíza questionou se a Epic queria voltar ao normal e a empresa recusou-se, afirmando que o processo de transações pela loja da Apple dificultava reembolsos para os clientes.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.