"Burn-in all" - O futuro dos ecrãs de todos os Samsung Galaxy

Pedro Henrique
Samsung Galaxy S9 Apple iPhone X
Samsung Galaxy S9 e Apple iPhone X têm ecrãs similares

A Samsung é, para muitos, a melhor empresa do ramo a produzir ecrãs para smartphones. Aliás, a empresa que apresentou os Samsung Galaxy S9 há umas semanas, é também aquela que se encarregou da produção do ecrã do Apple iPhone X.

Ora, dito isto, pode dizer-se que os ecrãs que a mesma produz são um requisito que todas as empresas gostariam de poder ter. No entanto, isso não significa que o seu produto não tenha qualquer tipo de defeito, muito pelo contrário.

Vê ainda:Microsoft Office – Insiders já podem ditar o texto que querem escrever

Infelizmente, tal como havia sido referido no ano transato, quando foram lançados os S8, há a possibilidade de se verificar - no longo prazo - o chamado efeito burn-in. Este, por sua vez, consiste em pequenas marcas que o ecrã vai ganhando, pela presença típica de determinadas imagens no ecrã.

Samsung Galaxy S9 e restantes, bem como o Apple iPhone X...todos podem sofrer deste efeito!

Isto é, a barra de navegação do Android, por exemplo, por estar presente sempre no mesmo sítio, acaba por ser a mais afetada. Consequentemente, não é nada improvável que, ao fim de algum tempo, se note uma pequena marca com o desenho da barra de navegação.

Ora, o problema é quando este efeito burn-in acaba por se revelar mais cedo do que seria suposto. Com efeito, é possível presenciar, em lojas diversos Samsung Galaxy estão expostos, um nível relativamente gritante das marcas descritas anteriormente.

Ainda que se possa alegar que os tais equipamentos, por estarem expostos a um maior tempo de ecrã ligado, bem como a luz mais intensa que, por sua vez, aumenta o brilho do ecrã e, por isso, a sua intensidade, não são, de todo, desculpas aplicáveis.

Afinal, é possível observar o burn-in num equipamento como o Galaxy A8 - presente em loja física há pouco mais de um mês. Ou seja, a probabilidade de um utilizador vir a confrontar-se com ele no final de dois anos de utilização é significativa. Mesmo assim, enquanto estiveres protegido pelos 2 anos de assistência pós-venda...

Portanto, tudo o que foi dito sobre a qualidade do ecrã dos equipamentos é mentira? Não. Os Samsung Galaxy S9 são excelentes terminais, assim como os seus antecessores. E o Apple iPhone X idem. Todos eles têm ecrãs concebidos pela empresa sul-coreana.

Samsung-Galaxy-burn-in.jpgSamsung-Galaxy-S9-e-Samsung-Galaxy-Note-8-burn-in-1.jpgSamsung-Galaxy-S9-e-Samsung-Galaxy-Note-8-burn-in.jpg

Contudo, é um aspeto a ter em consideração no momento da sua compra. Ora, pelo menos, durante o período em que estiver coberto pela garantia.

Obrigado ao Marco Silva pelo apoio prestado.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei P20 e Xiaomi Mi MIX 2S, dois colossos da fotografia?

Huawei P20 Lite. Já sabemos as características e preço deste Android

Xiaomi Mi A1 acima do OnePlus 5T nos níveis de radiação emitida (SAR)

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.