"Death Stranding vai desorientar jogadores com história complexa" - afirma Hideo Kojima

António Guimarães
Comentar

Durante uma entrevista no Tokyo Game Show 2019, Hideo Kojima avançou mais alguns detalhes sobre o seu próximo jogo, Death Stranding. O designer afirma que o jogo não será de fácil compreensão e que os jogadores irão sentir-se bastante desorientados.

A história será complexa e irá progredir de uma forma lenta, com pouca explicação no início. Kojima explica que pretende que o Death Stranding ofereça uma experiência fora do normal, onde os jogadores já entram no jogo a "saber quase tudo".

"Death Stranding não é como o Exterminador ou Star Wars mas mais como um Alien"

De acordo com Kojima, Death Stranding não vai mostrar logo tudo como um filme de sci-fi de Hollywood. O jogador terá pouco onde se apoiar ou encontrar explicações. Kojima adiciona que narrativas lineares são fáceis de fazer mas num jogo, acaba por ser previsível.

No entanto, Kojima adverte que apesar da história complexa e desenvolvimento lento, os jogadores irão perceber todo o sistema do Death Stranding, seja de combate ou a mecânica no geral.

Kojima comparou Death Stranding ao filme de ficção cientifica Alien, onde o espectador vai aprendendo lentamente o que se está a passar na nave Nostromo e os seus tripulantes. Assim sendo, parece que Death Stranding será um jogo bastante motivado pela sua rica história e terá de ser jogado com paciência.

Death Stranding tem lançamento previsto para 8 de novembro de 2019. O jogo será um exclusivo da PlayStation 4 e é o primeiro jogo de Hideo Kojima desde a sua saída da Konami.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.