iPhoneBaby01

 

O que é que estaria disposto a fazer para ter um novo Iphone? Bem, um casal chinês vendeu a sua filha bebé e com os lucros comprou um iphone. (Segundo relatórios independentes).

   

O casal colocou seu terceiro filho para adopção , antes da menina nascer. Uma vez que o dinheiro mudou de mãos, antes do nascimento, foram presos pela polícia de Shangai. Estão agora em prisão, devido a uma acusação de tráfego de humanos.

Identificado nos média como Sr. e Sra. Zhang Teng , o casal pediu para entre 30.000 e 50.000 yuan (€ 3.500 a € 5.000) para alguém adoptar a sua filha.
Gastaram o dinheiro no novo iphone , sapatilhas novas entre outros luxos.

Segundo os mesmos,s as suas motivações não eram eram puramente financeiras. Em vez disso, eles dizem que queriam alguém que trouxesse a sua filha uma vida melhor do que eles poderiam proporcionar. ” Nós não damos a criança para para obter lucro, mas para dar à criança melhores garantias “, um deles disse ao jornal Diário da Libertação na China.
O casal já tem dois filhos, o que viola a política do filho único da China, e estavam desempregados, mal-educados e com más condições de vida, quando a Sra. Zhang se encontrou “acidentalmente grávida ” ( de acordo com o diário Liberation ). Ela mentiu para seus vizinhos, dizendo-lhes que ela tinha um tumor no estômago. Em seguida, deu à luz em casa.

No ano passado, um adolescente vendeu seu rim para comprar um iPhone e iPad. E quando a Apple manda telefones. Existe uma briga na loja da Apple em Pasadena nos EUA, para ver quem está na fila primeiro. Um homem chegou ainda a contratar um grupo de “sem-abrigo” para ficar na fila por ele e comprar uma carga de iPhones que poderia mais tarde vender para obter lucro .

A Apple lançou o iPhone 5S e 5C na China no mês passado – sendo esta a primeira vez que é vendido um aparelho lá desde o primeiro dia.

Mas afinal o que se passa com este mundo?

Deve a tecnologia domar-nos assim tanto?

 

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.