Burnout Paradise recebe Remasterização já em março

A franquia Burnout Paradise distinguiu-se de muitas outras pela sua singularidade dentro do género das corridas. Em vez de se focar no realismo que tantos outros jogos perseguiam, Burnout procurou criar um jogo no qual o mais importante fosse a diversão.

Desta forma popularizou o estilo de corrida de ‘Choque’. O objetivo principal era, para além de ganhar a corrida claro está, atirar os adversários para fora da pista de forma estilística. O jogador ganharia assim pontos consoante a dificuldade da acrobacia. Esta nuance tornava assim as corridas menos monótonas, pois o desfecho de cada curva era imprevisível.

Vê ainda: Um olhar detalhado: FIFA 18 – Uma epopeia do desastre

Apanhando toda a gente de surpresa, a EA games, nomeadamente a Criterion games, criadora original da franquia, anunciou a remasterização do Burnout Paradise. Um jogo mundo aberto que foi primeiramente lançado em 2008 para consolas e mais tarde para PC (2009).

A EA afirmou que o jogo sairá primeiramente para consolas (PS4/ PS4 Pro, Xbox One / Xbox One X) tendo a sua data oficial de lançamento a 16 de Março. Por outro lado a Criterion Games já anunciou no Twitter que o jogo provavelmente terá uma versão para PC até fim de ano.

Burnout Paradise com um toque de 2018 está para chegar

A EA referiu que este jogo correria nas consolas a 4k 60fps e multi-jogador até 8 jogadores. Aliás usou este argumento como ponto de venda. Querendo manter a fidelidade ao título original, Burnout Paradise terá os modos de jogo originais, trilha sonora original e maioria dos veículos originais.

Como apresentação Burnout Paradise foi também anunciada a presença de 8 DLCs (conteúdo transferível extra (pago)). Estas incluirão quase 100 carros, 10 pistas e muitos outros desafios e surpresas.

O preço de venda deste jogo será de 40 euros em ambas as consolas. Uma versão de demonstração estará disponível a partir de 9 de Março. Em baixo fica o trailer oficial da EA.

Fica a parecer que uma remasterização é apenas uma solução parcial para o problema que foi a inexistência de um título forte da Burnout nos últimos anos.

Com esta remasterização também se põem algumas questões: Se esta remasterização for um sucesso podemos ter em mãos o renascimento de uma das franquias mais bem- sucedidas? Será que o futuro do Burnout passa pela remasterização dos seus títulos anteriores ou pela criação do um novo jogo?

Assuntos relevantes na 4gnews:

uTorrent: Descoberta falha de segurança que permite o aceso ao teu PC

Novo Sony Xperia chegará com o mesmo processador do Galaxy S9

Android P também bloqueará acesso ao microfone do teu smartphone

Fonte | Via | Artigo por Duarte Dias para 4gnews

Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.