Brasil não irá aceitar pressão dos EUA em relação à Huawei e o 5G

António Guimarães
Comentar

Desde o banimento da Huawei nos Estados Unidos que o governo americano tem pressionado outras nações a seguir o exemplo. Uma dessas é o Brasil, do qual o seu ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Marco Pontes, fez algumas afirmações arrojadas.

Pontes afirma que o Brasil não irá ceder a pressões internacionais, neste caso por parte do governo americano, em relação ao 5G. O ministro mencionou a Huawei e disse que o Brasil não irá de todo impedir o avanço da gigante chinesa no país, caso venham a implementar infraestruturas no território brasileiro.

marcos pontos
Marcos Pontes

Atualmente, o Brasil está em processo de abrir um leilão com várias empresas, sendo que Pontes está encarregue de decidir e estabelecer critérios para decidir como será feita a implementação do 5G. Assim sendo, o ministro brasileiro indica que a decisão será tomada baseada em mérito e não por pressões alheias.

Pontes acrescentou ainda que o leilão pode ser atrasado até 2021, devido a vários problemas técnicos e infra-estruturais no país. Neste caso, o governo está a ponderar colocar filtros para 5G nas antenas de satélite já existentes ou mudar as frequências das mesmas para adaptar a nova tecnologia.

A situação da Huawei mantém-se para já

Em relação à Huawei e as suas relações com os Estados Unidos, parece que tudo se vai manter em "águas de bacalhau". Para colmatar a falta de serviços Google, a Huawei está a promover os seus HMS (Huawei Mobile Services) que prometem providenciar apps alternativas bem como uma loja de aplicações.

O recém-lançado Mate 30 Pro é o primeiro telemóvel a sofrer com o banimento dos EUA. Já o vindouro Huawei P40 (e os restantes equipamentos da série) poderão ter uma chance melhor no mercado com os HMS.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.