Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Black Friday: Xiaomi Mi Band 5 está a metade do preço

Bruno Coelho

A Xiaomi Mi Band é o produto mais popular de todo o espólio da fabricante chinesa. Nas suas mais variadas versões, podes encontrá-lo no pulso de milhões de utilizadores. E nesta Black Friday, a Mi Band 5 pode também chegar ao teu ao preço mais baixo.

A smartband lançada em 2020 continua a ser uma opção muito válida na atualidade, principalmente tendo em conta que a podes comprar ao ‘preço da chuva’ nesta Black Friday.

Xiaomi Mi Band 5 apenas a 19,99 € na Amazon

Foi lançada com um preço recomendado de 39,99 €. Mas durante esta Black Friday podes adquiri-la na Amazon de Espanha por apenas 19,99 €. Isto significa que poupas 50% na sua compra (20 €).

Sabe mais sobre preços e envios da Xiaomi Mi Band 5

xiaomi mi band 5

Esta smartband destaca-se pelo seu ecrã AMOLED de grande qualidade, e por permitir a monitorização de até 11 modalidades desportivas. Como seria de esperar, pode ajudar-te a monitorizar os teus passos, calorias ou a qualidade do sono. Para o público feminino, há também a destacar o registo do ciclo menstrual.

A Mi Band 5 conta com uma autonomia para 14 dias, mas que pode facilmente durar-te mais que isso com uso moderado. Foi o primeiro modelo da linha a chegar com carregamento magnético, para que não tenhas de retirar a bracelete quando é necessário carregar.

xiaomi mi band 5

Esta é uma ótima assistente para a tua saúde e atividade física se queres gastar pouco, ou oferecer essa possibilidade a alguém neste natal. Conta com resistência à água, para que possas tomar duche ou levá-la para a piscina sem problemas.

Caso tenhas dúvidas de como comprar na Amazon de Espanha, consulta o nosso guia dedicado.

Sabe mais sobre preços e envios da Xiaomi Mi Band 5

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.