XPERIA Z3+ 11Sony Xperia Z3+ surgiu como resposta às exigências do mercado japonês, onde adopta o nome de Xperia Z4 e chegará ao resto dos mercados globais já a partir do próximo mês. Com especificações reforçadas e um design ainda mais elegante mantendo, contudo, o padrão de qualidade e resistência aos elementos a que a Sony tão bem nos habitou.

Este novo Sony Xperia Z3+ vem equipado com o processador (SoC) Qualcomm Snapdragon 810, um octa-core a 64 bits que é a principal novidade além dos 3GB de RAM um ecrã de 5.1 polegadas FullHD e resistência à água e poeiras e autonomia de bateria para 2 dias. A nível de design continua muito semelhante aos seus antecessores e as críticas têm sido duras e impiedosas.

A comunidade tecnológica não recebeu este Sony Xperia Z3+ calorosamente, não porque tenha especificações ou características medíocres mas pela ausência de inovação e demasiada semelhança entre as últimas gerações de topos de gama. A Sony está a sofrer bastante na opinião pública e necessita de um ponto forte, algo que lhe dê vantagem sobre a concorrência e que lhe dê algum poder de alavancagem para recuperar nas vendas.

   

Será o Snapdragon 810 a chave para o sucesso? Será capaz de lhe proporcionar a tão necessária vantagem sobre os demais? A resposta é um rotundo não!

Os números não surpreendem ninguém, arrisco dizer que até desiludem a maioria mesmo sendo superiores aos do Xperia Z3 lançado em Setembro de 2014 mas ficam muito aquém dos valores atingidos pelos Galaxy’s S6 e até do HTC One M9.

Estes resultados foram obtidos pelos chineses da ePrice(fonte) e correram várias aplicações de benchmark bastante conhecidas como a AnTuTu, a Vellamo e a Basemark ES 2.0. Começando pela AnTuTu, temos aqui 51,000 pontos, em seguida 1447 e 3435 nos testes especializados da Vellamo como podem ver pelos screenshots.

Bem abaixo da concorrência, ficando a par do Snapdragon 808 do LG G4 e em alguns casos até abaixo deste. É de salientar também a temperatura de 40.2 ºC registados no final destes testes, não deixa de ser uma temperatura elevada mas, segundo a fonte, nada que impeça a sua utilização normal.

A Sony precisa de um trunfo para recuperar a confiança dos consumidores mas será que este Sony Xperia Z3+ foi uma jogada demasiado arriscada?

Talvez queiras ver:

Vídeos de apresentação do Sony Xperia Z3+:

Os seus pontos fortes:

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).