Atenção MEO, NOS e Vodafone: novo operador móvel chega a Portugal

Bruno Coelho
Comentar

Ao longo dos últimos anos, a MEO, NOS e Vodafone dominaram o mercado da rede móvel em Portugal. Apenas a Nowo se figura como "alternativa" a estas três, ainda que tenha um acordo com a MEO desde 2016 para usar as suas infraestruturas (não sendo assim um verdadeiro "quarto operador".

Grupo espanhol MásMóvil adquiriu parte das frequências 4G em Portugal

O grupo espanhol de telecomunicações MásMovil Iberocom, que detém a NOWO desde setembro de 2019, prepara-se agora para ser o novo operador móvel em Portugal. Isto porque adquiriu parte do espectro das frequências 4G em Portugal.

Como noticia o Expansión, o grupo MásMóvil prepara-se para construir uma rede de 4G em Lisboa, no Porto e no Algarve. No resto do país, as restantes três operadoras terão de alugar as suas redes por um período obrigatório de dez anos.

A empresa ganhou assim três lotes na faixa dos 1800MHz nesta primeira fase do leilão do 5G. Mas é importante reforçar que, mesmo sendo parte do leilão do 5G, estes lotes são referentes a comunicações móveis da geração anterior (4G).

Ao que é referido pela fonte, o grupo espanhol terá pago caro para conseguir este espaço no mercado português. O processo estendeu-se por oito licitações, levando a que cada um dos três lotes custasse 18,11 milhões euros.

É importante reforçar que a MásMóvil é dona da NOWO e Oni, que já atuam no mercado português, desde 2019. Em Espanha, a MásMóvil adquiriu em 2016 a Yoigo, passando a partir daí a ser o quarto operador no país vizinho. Resta saber, depois desta compra, como vai atuar deste lado da fronteira.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.