Apple HomePod tem um custo de 216 dólares e margem de lucro reduzida

Pedro Henrique
Apple HomePod iOS 11.2.5 Apple iPhone iPad
O novo Apple HomePod está a ser o centro de muitas atenções...

O Apple HomePod acabou de ser lançado e, por isso, tem sido mais do que analisado - de todas as perspetivas possíveis. A última, por sua vez, tem que ver com a margem de lucro que a empresa de Cupertino terá com a venda do novo produto.

Ora, de acordo com novo relatório da TechInsights, a margem de lucro do Apple HomePod é bem mais reduzida do que aquilo que se poderia imaginar à partida. Isto é, a mesma fica-se pelos meros 38%.

Vê ainda: Aplicação da Uber deixou de suportar o Windows da Microsoft

Desta forma, é bem mais reduzida que a da Google - com o Google Home - ou até da própria Amazon Alexa, que se fixam em 66 e 56%, respetivamente. Em termos absolutos, é isso. Contudo, o que indicam esses valores na realidade?

Apple HomePod é ou não é um bom produto? Para Apple e para os consumidores...

Em primeiro lugar, é preciso observar que o Apple HomePod tem um custo de fabrico de, aproximadamente, 216 dólares. Este dado, por sua vez, poderá indicar que a empresa de Cupertino não estava a brincar quando disse que era o melhor da sua categoria, pelo menos a nível acústico.

Em segundo lugar, há que não esquecer que o HomePod é o primeiro produto de uma nova gama que a Apple acabou de introduzir no seu portefólio e isso também conta. Por último, o que aconteceria se a empresa norte-americana tentasse, por exemplo, aplicar uma margem de lucro tão grande neste produto como faz com o iPhone X?

Bem, tendo em consideração que o flagship que a mesma colocou no mercado no passado mês de novembro regista 64% de margem de lucro, então o preço do HomePod no mercado chegaria aos pelo dobro do preço, sensivelmente.

E verdade seja dita, quem é que estaria disposto a dar 700 dólares por uma speaker inteligente com uma qualidade de som acima da média, mas que no fundo seria apenas isso?

Cada vez mais, os produtos que Tim Cook e a sua equipa vão lançando têm suscitado dúvidas enormes em torno de si mesmos. O HomePod foi o último a integrar esse lote e, de facto, não têm sido poucas as interrogações que dele têm surgido ultimamente.

Software inacabado, design elegante mas não surpreendente e margens de lucro reduzidas. O que se passa com a Apple?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Google Store poderá trazer o Pixel para Portugal já em 2018

Google Imagens remove a opção de “Ver e descarregar Imagem”

BlackBerry KeyOne: O Android é mais produtivo com teclado físico

Fonte

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.