Apple quer entrar no mundo do gaming mas a "tramar" outras empresas

António Guimarães
Comentar

Sejamos sinceros: ninguém vê a Apple como uma empresa de gaming. Apesar do Apple Arcade, a Apple não é vista da mesma forma como uma Sony ou Microsoft, com a PlayStation e Xbox, respetivamente. Contudo, a empresa da maçã quer mudar isso.

No entanto, a Apple está a fazê-lo de uma forma que pode não ser a mais favorável. Isto porque recentemente, a Apple não aprovou a app da Microsoft xCloud na App Store, barrando entrada na loja de aplicações.

O xCloud é uma das plataformas mais aguardadas, pois permite transmissão de jogos em tempo real, através de vários dispositivos. É semelhante a outros programas existentes como o Google Stadia ou o Steam Remote Play mas promete ser ainda melhor.

dfsds

Na verdade, o xCloud já estava a ser testado no iOS e já possui uma versão interna para testes, mas a Apple negou a entrada. No entanto, foi aprovada outra aplicação que já estava a tentar ser aprovada há meses.

Apple aprovou a Facebook Gaming App com um senão

Há meses que o Facebook estava a tentar entrar na Apple App Store com a sua app Facebook Gaming. Na semana passada, a Apple finalmente aprovou a aplicação com um grande asterisco: o Facebook teve de remover a livraria de jogos, uma funcionalidade essencial em qualquer plataforma.

Assim sendo, a aprovação por parte da Apple foi um presente envenenado. É lamentável que a Apple tenha de usar tais táticas para não ter concorrência ao Apple Arcade dentro da própria loja. Não tarda levará com outro processo de práticas anti-concorrência.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.