A Apple matou o AirPower. E ainda bem

Bruno Coelho

Quem se encontra embrenhado no ecossistema da Apple aguardava com ansiedade o lançamento do AirPower. Era impossível para alguém que tinha um iPhone, Apple Watch e Airpods não ficar seduzido com a ideia de carregar os três, sem fios, em simultâneo.

A Apple anunciou o AirPower no longínquo setembro de 2017, prometendo um lançamento durante 2018. Este não aconteceu, e ultimamente várias referências faziam adivinhar que o lançamento estaria iminente. Aliás, a caixa dos novos Airpods fazia referência à compatibilidade com o AirPower.

airpower iphone airpods apple watch

A grande relevância do AirPower prendia-se com a sua inteligência. Este foi anunciado como o suprassumo do carregamento sem fios para quem era utilizador do ecossistema da empresa de Cupertino. Carregaria até três dispositivos, e comunicaria com estes para distribuir o poder de maneira inteligente.

O AirPower tinha problemas de sobreaquecimento impossíveis de resolver

Tendo em conta todo o hype criado em volta deste produto, principalmente por Tim Cook, é com tristeza que os fãs de empresa vêm a sua morte anunciada. O grande problema seriam as três bobinas incorporadas, que provocavam um sobreaquecimento. Portanto, ainda bem que não chegou ao mercado.

airpower iphone airpods apple watch

A Apple salva a pele ao não lançar um produto que poderia dar problemas. Imagina-te utilizador do ecossistema Apple, a comprar um produto destes que funcionaria mal? Ou pior, que poderia pôr em causa a saúde dos teus equipamentos tecnológicos (quiçá a tua segurança). Foi a melhor medida a tomar.

Acaba por ser também mais um produto caro que não chega às mãos dos consumidores. A Apple nunca anunciou o seu possível preço, mas vejamos a nova caixa de carregamento dos Airpods, que custa 89€ e apenas carrega um dispositivo. Ou seja, morre um carregador que muito provavelmente custaria mais de 150€ e poderia dar problemas. Mas que era atrativo, era.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.