Android. Xiaomi Mi Play afinal não será um 'Pocophone 2.0"

Vitor Urbano
Xiaomi Mi Play Pocophone smartphone android
Ao contrário do que se pensava, o Xiaomi Mi Play não terá qualquer relação com o Pocophone...

Ontem a fabricante chinesa começou a enviar os convites para o seu próximo evento (24 de dezembro), revelando que irá apresentar um novo smartphone, o Xiaomi Mi Play. Numa primeira instância, tudo indicava que este seria um novo smartphone gaming que poderia ser semelhante ao Pocophone.

No entanto, novas imagens publicadas hoje pela marca acabam por revelar uma história totalmente diferente. Há alguns dias, surgiu uma certificação de um novo smartphone da fabricante que se julgou ser o novo Redmi 7. Mas, comparando com as novas imagens, parece que se tratava do novo Xiaomi Mi Play.

Vê ainda: Xiaomi tem uma tampa de sanita que (garantidamente) vais adorar!

Assim sendo, o último smartphone a ser apresentado pela gigante chinesa em 2018 será um gama-média e o seu nome não fará alusão às suas capacidades para vídeo jogos. Por outro lado, deverá ser comercializado tendo como público alvo os utilizadores mais jovens.

O Xiaomi Mi Play não será afinal uma versão refinada do Pocophone F1

Por breves momentos, pensávamos que este poderia ser uma versão refinada do Pocophone, destinada ao mercado chinês. Mas, tal como já deves ter percebido, isso não irá acontecer (ainda).

Considerando então que este Xiaomi Mi Play é o smartphone 'mistério' que foi certificado pela TENAA, já sabemos algumas das suas especificações. O Xiaomi Mi Play deverá apresentar um ecrã Full HD+ de 5,84" polegadas com uma notch em forma de 'gotinha' e proteção de vidro curvo 2,5D.

Quanto às suas especificações internas, a controlar o centro das operações estará um processador Qualcomm Snapdragon com oito núcleos, cujo modelo é ainda desconhecido. O novo gama-média Android vai ser comercializado com várias opções de memória:

  • 3GB de RAM + 32GB de ROM
  • 4GB de RAM + 64GB de ROM
  • 6GB de RAM + 128GB de ROM

XiaomiMiPlay-2.jpgXiaomiMiPlay-1.jpg

No segmento fotográfico, sabe-se que irá chegar com uma câmara selfie de 8 megapixels e uma dupla câmara traseira. Quanto ao módulo fotográfico principal, sabemos que irá ter um sensor de 12 megapixels, mas detalhes sobre o secundário são ainda desconhecidos.

Com uma modesta bateria de 2900mAh, este smartphone Android gama-média vai chegar ainda com o Android Oreo, o que certamente não irá deixar os fãs da marca muito satisfeitos.

Por fim, a sua apresentação oficial irá decorrer na China, durante a véspera de Natal. Ainda não se tem qualquer informação sobre o seu preço de venda recomendado, ou se irá até chegar aos vários mercados globais. Mas, considerando as suas especificações pouco surpreendentes, o seu preço deverá ser bastante acessível.

Editores 4gnews recomendam:

Vai chegar um Mi Router com possibilidade de introduzir cartão SIM

O sintetizador inteligente está com preço a considerar

Xiaomi prepara um smartphone idêntico ao Huawei P20 Lite

Via

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.