Xperia Z5 conta com um processador Snapdragon 810 tal como o Z3+, e em torno dele existem duvidas se irá ser alvo de problemas de sobreaquecimento tal como o Z3+.

Para tirar as duvidas em relação ao equipamento, o Canal Btket resolveu fazer um teste, já que possuia o smartphone durante um hands-on, e o teste envolvia gravar algo recorrendo ao 4K com a potente câmara, conhecida também por ser oficialmente a que tem o auto-focus mais rápido do mundo.

z5 test

   

Existe um aviso que aparece no ecrã que informa o encerramento automático do aparelho, caso a temperatura da câmara aumente demais. Porém, depois de manter o dispositivo por 10 minutos parado a filmar, ele permaneceu ativo e sem exibir qualquer mensagens de erro.

É verdade que ficou mais quente, mas o dispositivo continuou próprio para ser utilizado, o que indica que a própria Sony deve ter trabalhado para adaptar o hardware e não deixar o chip sobreaquecer.

Talvez queiras ver: