Xiaomi regista uma patente de um smartphone com duplo ecrã na lateral

Filipe Alves
1 comentário

Podemos dizer que a Xiaomi é uma das fabricantes que mais tenta inovar no segmento móvel. A empresa revelou a sua gama Mix que mudou por completo o aspetos dos smartphones há uns anos.

Pois bem, a nova patente mostra que a marca está a pensa "fora da caixa". Nesta patente vemos um terminal com um duplo ecrã na lateral que abre. Algo idêntico ao Mi Mix 3 mas em vez de abrir em cima, abre na lateral. Ao que podemos ver teremos também um ecrã mesmo por baixo das câmaras.

Eis a patente da Xiaomi com um smartphone de duplo ecrã lateral

Xiaomi regista uma patente de um smartphone com duplo ecrã na lateral

Temos de olhar para as patentes como elas realmente são. Ou seja, nada nos garante que teremos um smartphone idêntico ao da imagem. A Xiaomi registou a patente do smartphone porque certamente passou horas e horas para o desenvolver.

Xiaomi Mi Mix 3
Xiaomi Mi Mix 3

Assim sendo, e olhando para o segmento móvel neste momento, não me parece que este tipo de smartphone possa vir a ser revelado. Ainda assim, surpresas existem e, na maior parte das vezes, os meus palpites estão errados.

Um ecrã lateral para as câmaras frontais

Ao que parece, tal como o Xiaomi Mi Mix 3, este ecrã lateral iria esconder as câmaras frontais. Contamos 5 orifícios, porém, não me parece que estes buracos sejam todos câmaras. Porém, também não vejo muito sentido ao esconder sensores por trás do ecrã principal. Isto é, estes pequenos buracos são uma incógnita.

Xiaomi regista uma patente de um smartphone com duplo ecrã na lateral

O smartphone tem um aspeto "normal" até que o abres na lateral. Vejo sentido em tal acontecer para a câmara frontal, todavia, não vejo o que podia ser adicionado no ecrã secundário de forma a trazer utilidade.

Em suma, temos de esperar para ver. As patentes são mesmo assim. Pelo menos temos um vislumbre daquilo que a empresa trabalha neste momento.

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.