Xiaomi oferece ações a todos os seus funcionários para comemorar entrada na Fortune 500

António Guimarães
Comentar

A Xiaomi entrou esta semana na lista das 500 maiores empresas do mundo na revista Fortune. Em comemoração do marco histórico, os funcionários da Xiaomi receberam todos uma 'parte' da empresa em formato de aceções.

O seu fundador e CEO, Lei Jun, revelou que todos os 20,538 funcionários da empresa vão receber um pacote especial. Esse pacote inclui 1000 acções da Xiaomi, 500 para os funcionários e 500 para oferecer às famílias dos mesmos.

O que os funcionários podem fazer com as ações

Os funcionários da Xiaomi podem utilizar as ações para ganhar algum dinheiro, aproveitando o sucesso da empresa. Ações costumam ter um valor volátil portanto há que estar atento às flutuações do mercado.

Caso um funcionário venda as suas ações na hora certa, pode ter um retorno financeiro considerável. Além disso, enquanto proprietário de ações da Xiaomi, os funcionários serão também proprietários (em parte) da empresa.

A Xiaomi está em 468º lugar nas empresas mundiais

A lista Fortune 500 é baseada nas receitas e crescimento das empresas. No caso da Xiaomi, a empresa chinesa conseguiu receitas de 16 mil milhões de dólares em 2018, apenas na venda de telemóveis.

A Xiaomi tem apenas 9 anos de existência e já integrou a lista das empresas mais importantes do mundo, juntando-se à Google, Apple e Samsung. A empresa chinesa é a mais 'jovem' a integrar a Fortune 500.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.