Samsung Galaxy S9 Xiaomi Mi 7
Dois colossos, duas realidades distintas.

Já são dois dos smartphones mais antecipados para o início de 2018. De um lado o Samsung Galaxy S9, o próximo líder da marca sul-coreana. Do outro, uma empresa chinesa. Ainda jovem e modesta, foi em 2010 que assistimos à sua fundação. Agora, para 2018, o Xiaomi Mi 7 vai tentar impor-se perante o Samsung Galaxy S9. Terá alguma chance de sequer tentar competir com este próximo Galaxy?

Vê ainda: Xiaomi Redmi 5 e Redmi 5 Plus foram revelados pela própria Xiaomi!

Começando pelo Samsung Galaxy S9, ainda pouco se sabe sobre o dispositivo para além do facto de ter uma árdua tarefa pela frente. Não só tem de dar seguimento e superar o impacto causado pelos Galaxy S8 como terá que combater o Apple iPhone X. Este que é sem dúvida o iPhone mais influente e cobiçado da última década será um adversário duro de combater.

A seu favor, a Samsung conta com todo o poderio, posição dominante em vários mercados chave e dotada de uma enorme infra-estrutura, tem todas as “armas” à sua disposição. Pessoalmente não acredito que seja este ano o raiar do Galaxy X e acredito mais que a marca diferencie os equipamentos da sua linha Galaxy S9.

O que esperar do Samsung Galaxy S9?

Poderemos ter até 3 equipamentos nesta gama. Segundo os últimos rumores não seria de todo impossível vermos um Galaxy S9, S9+ e até mesmo um Galaxy S9 mini.

Até que ponto é que tal seria benéfico para o consumidor? Não sabemos. Contudo, seria uma boa forma de contrapor a geração de 2017 à de 2018. Tal como o lançamento de uma versão mini, algo que já há vários anos não temos neste segmento de topo.

Samsung Galaxy S9
Poderá o Samsung Galaxy S9 ser tão semelhante ao seu antecessor?

Como certamente saberão, os Galaxy S8 e S8+ são altamente idênticos. A única coisa que os separa é o tamanho do display e a capacidade das baterias. Posto isto, para 2018 poderemos ver uma família “S9” mais dividida para apelar a um grupo mais abrangente de consumidores. Para já, é apenas uma hipótese.

Sabemos que a marca apostará bastante no departamento fotográfico. Será expectável um sensor dupla na traseira do Samsung Galaxy S9 com uma abertura focal de f/1.5. Algo que já existe dentro deste smartphone concha da tecnológica sul-coreana.

O que aproxima o Samsung Galaxy S9 do Xiaomi Mi 7?

Agora, algo que aproxima o Samsung Galaxy S9 do Xiaomi Mi 7. O “coração”. O processador. A parte mais importante de qualquer smartphone.

Com efeito, ambos os “monstros” deverão utilizar o mesmo processador Qualcomm Snapdragon 845, um SoC que deverá ser apresentado oficialmente durante este mês de dezembro. Este será o sucessor de um dos melhores processadores para dispositivos móveis lançados até à data, o Snapdragon 835.

Sabemos que a Samsung lançará duas variantes dos seus S9. Uma com o seu novo processador Exynos que chegará à Europa, outra com o próximo “coração” da Qualcomm, o Snapdragon 845.

Samsung Galaxy S9 Xiaomi Mi 7 imagens reais
Será este o Mi 7 ou o S9?

Relativamente ao Xiaomi Mi 7 não temos a menor dúvida, apesar de para já não o podermos provar ou sustentar, que este topo de gama utilizará a próxima geração de processadores da Qualcomm. Algo distinto iria contra toda a filosofia e modus operandi da tecnológica chinesa. Tão simples quanto isso.

Em suma, tanto o Samsung Galaxy S9 como o Xiaomi Mi 7 partilharão vários traços. Desde o seu processador à utilização de 6 a 8GB de memória RAM. A presença de certificação IP67/68 que dotará ambos de uma resistência à águae ao pó. O vidro e o metal como principais materiais de construção. A utilização de uma porta USB do Tipo C como principal interface para troca de dados e carregamento. Até mesmo o carregamento sem-fios.

O que separa o Xiaomi Mi 7 do Samsung Galaxy S9?

Poderíamos até referir a presença de uma dual-camara traseira em ambos os dispositivos. Aliás, acredito que tal aconteça mas de igual forma também não tenho dúvidas que a qualidade fotográfica seja tão distinta entre eles como o seu hardware é semelhante.

Terminando o capítulo da união. Tanto o Samsung Galaxy S9 como o Xiaomi Mi 7 deverão utilizar um display virtualmente sem margens laterais. Aliás, para 2018 até mesmo as margens superior e inferior deverão ser drasticamente reduzidas. O formato 18:9 estará presente em ambos. Contudo, as semelhanças ficam-se por aqui.

O software será radicalmente diferente. De um lado teremos o Android Oreo 8.0 com a nova versão da interface Samsung Experience. Do outro teremos o Android Nougat 7.1 com a MIUI 9. Experiências radicalmente diferentes. Tonalidades distintas. Métodos de utilização do smartphone muito pouco semelhantes.

Samsung Galaxy S9 Xiaomi Mi 7 imagens reais
O ecrã com formato 18:9 veio para ficar e este render poderia ilustrar ambos os dispositivos

Aumentando ainda esta clivagem teremos o provável tamanho de ecrã ou tela de ambos os dispositivos. De um lado deveremos ter umas 5.8 ou quase 6 polegadas no Samsung Galaxy S9 com uma tela Super AMOLED de resolução Quad-HD. Do outro, a tela de 5.15 polegadas do Xiaomi Mi 6 deverá ser alargada até às 5.5 polegadas devido à diminuição das margens. Sem aumentar as dimensões físicas do dispositivo.

Galaxy S9 e Xiaomi Mi 7 será apresentados no início de 2018

Recentemente vimos esta fonte alegando um aumento considerável no tamanho de display para o Xiaomi Mi 7. Segundo o relatório teriamos um ecrã de 5.8 polegadas neste Mi 7 e isto iria aproximar o dispositivo do Samsung Galaxy S9 a nível de dimensões. Mais ainda, a resolução de ambos seria, nesse caso, de Quad-HD+.

Aspectos como a capacidade de bateria e conectividades ainda são muito pouco debatidos e para já não adianta especular sobre tal. Não deixa de ser curioso fazer uma pequena comparação. Sei que é extremamente precoce mas não deixa de ser quase tentador e damos por nós a pensar que ambos os dispositivos podem ser bastante semelhantes.

Aliás, a sua grande diferença poderá ser tão só o seu preço. Estarei errado? Deixa-nos o teu feed-back abaixo, nos comentários.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Motorola Moto Z2 Force: “Android Oreo” está a finalmente a chegar!

Google quer reduzir os dados recolhidos pelas aplicações Android

OnePlus 5T Star Wars Edition chega já no dia 14 de dezembro

Viaandroidheadlines
Fontegizchina
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).