Vivo apresenta os topos de gama X60 para os mercados internacionais

Carlos Oliveira
Comentar

A Vivo já havia apresentado os X60 e X50 Pro na China em dezembro de 2020 e o X60 Pro+ em janeiro. Agora, este trio é apresentado pela empresa chinesa para os mercados internacionais com algumas diferenças importantes.

Talvez a mais relevante seja a substituição do processador Exynos 1080 pelo Snapdragon 870 na versão global dos Vivo X60 e X60 Pro. Já o Vivo X60 Pro+ será o grande topo de gama da marca chinesa para 2021, com a utilização do poderoso Snapdragon 888.

Vivo X60 Pro

Destaca-se ainda a parceria celebrada entre a Vivo e a Carl Zeiss no desenvolvimento das câmaras destes topos de gama. A empresa alemã deu o seu contributo precioso para o desenvolvimento dos sistemas fotográficos destes topos de gama.

Vivo X60 Pro+ quer fazer frente aos tubarões do mercado Android

A tentativa de destronar marcas como a Samsung ou Xiaomi nos mercados internacionais dar-se-á com o Vivo X60 Pro+. É neste modelo que a empresa chinesa deposita as melhores tecnologias ao seu dispor.

Além do Snapdragon 888, o Vivo X60 Pro+ apresenta-se com um ecrã Super AMOLED curvo com resolução Full-HD+. A sua taxa de atualização será de 120Hz e conta ainda com um sensor de impressões digitais embutido.

Vivo X60 Pro+

O principal destaque do Vivo X60 Pro+ está na configuração da sua câmara traseira, dotada com quatro lentes. A principal é uma 50MP GN1 da Samsung, apoiada por uma 48MP grande angular, uma periscópica de 8MP e uma telefoto de 32MP.

Devemos frisar que a lente grande angular apresenta-se com estabilização gimbal. Trata-se de um sistema que recorre a três eixos de estabilização que tentam compensar movimentos inadvertidos da câmara.

Especificações do Vivo X60 Pro+

  • Ecrã Super AMOLED de 6,56" polegadas com resolução Full-HD+
  • Taxa de atualização de 120Hz
  • Processador Qualcomm Snapdragon 888
  • 8GB ou 12GB de RAM
  • 128GB ou 256GB de armazenamento interno
  • Câmara traseira: 50MP (principal) + 48MP (grande angular) + 8MP (periscópico zoom 5x) + 32MP (telefoto zoom 2x)
  • Câmara principal de 32MP
  • Bateria de 4200mAh
  • Carregamento rápido de 55W

Vivo X60 e Vivo X60 Pro focam-se mais na relação qualidade / preço

Seguindo a estratégia das suas concorrentes, a Vivo lançou ainda os X60 e X60 Pro como propostas um pouco mais conservadores. Ambos transitam para um Snapdragon 870 e têm câmaras menos arrojadas.

Comum a ambos será o seu ecrã AMOLED de 6,56" polegadas Full-HD+, embora o X60 venha com um ecrã plano. Importa fazer aqui um parêntesis para mencionar que tanto o Vivo X60 Pro+ como o X60 Pro vêm com ecrã curvo.

Vivo X60 Pro

Na câmara vemos outra grande diferença destes dois modelos para o X60 Pro+. Assim sendo, a Vivo optou por uma configuração com 48MP + 13MP grande angular + 13MP para efeitos de profundidade.

A velocidade de carregamento da bateria também baixa neste par, ficando-se pelos 33W. Em contrapartida, o Vivo X60 apresenta um ligeiro incremento de capacidade para os 4300mAh.

Especificações do Vivo X60

  • Ecrã Super AMOLED de 6,56" polegadas com resolução Full-HD+
  • Taxa de atualização de 120Hz
  • Processador Qualcomm Snapdragon 870
  • 12GB de RAM
  • 256GB de armazenamento interno
  • Câmara traseira: 48MP (principal) + 13MP (grande angular) + 13MP (profundidade)
  • Câmara principal de 32MP
  • Bateria de 4300mAh
  • Carregamento rápido de 30W

Especificações do Vivo X60 Pro

  • Ecrã Super AMOLED de 6,56" polegadas com resolução Full-HD+
  • Taxa de atualização de 120Hz
  • Processador Qualcomm Snapdragon 870
  • 12GB de RAM
  • 256GB de armazenamento interno
  • Câmara traseira: 48MP (principal) + 13MP (grande angular) + 13MP (profundidade)
  • Câmara principal de 32MP
  • Bateria de 4200mAh
  • Carregamento rápido de 30W

Este trio chegará à Europa nos próximos meses. Apesar da garantia deixada pela marca chinesa, ela ainda não mencionou os valores de venda ao público.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.