Um olhar mais atento ao Apple iPad Air 2

Rui Bacelar

O Apple iPad Air 2 é um sucessor digno do seu nome, reforçando ainda mais o conceito de portabilidade, potência, qualidade de construção e produtividade. Apesar de ser uma mera evolução do seu antecessor, traz algumas novidades por baixo daquele corpo incrivelmente fino de 6,1 milímetros.

O Apple iPad Air 2. Por onde começar?

Display

O iPad. A resolução deste ecrã é de 2048 x 1536, o que resulta numa densidade de 264 pixeis por polegada. Mais uma vez, a mesma resolução desde o iPad 3, até aqui nada de novo, o que não é necessariamente mau porque além da qualidade ser boa, um aumento da resolução ia obrigatoriamente consumir mais energia.

Apesar da familiaridade inicial, o Apple iPad Air 2 teve que sofrer algumas mudanças para conseguirem reduzir bastante a sua espessura. Basicamente tiveram que cortar e comprimir em tudo o que pudessem e foi isso mesmo que fizeram. Graças a uma nova tecnologia de produção de ecrãs touch, em vez de termos as camadas do LCD, sensor de toque e cobertura separadas, a Apple misturou isto tudo numa só camada.

Menos camadas entre o LCD e o utilizador resultará num ecrã ainda mais brilhante, imagens mais vívidas e melhores ângulos de visualização. Esta tecnologia também foi utilizada para criar o Apple iPhone 6 e se já tiveram oportunidade de utilizar um, mesmo na loja, vão ver que é um ecrã fantástico.

Design

Em termos de design, o Apple iPad Air 2 é praticamente igual ao seu antecessor, temos uma construção unibody, ou bloco único, simplicidade, qualidade, um produto limpo, elegante, e claro, completamente premium. Todo o painel frontal está protegido e coberto por vidro que se prolonga até aos cantos, onde se mistura perfeitamente com o alumínio que constitui o resto do seu revestimento.

O painel traseiro ou a traseira é o que já conhecemos de várias gerações de artigos Apple. Algo simples, com a câmara no canto esquerdo e o inconfundível logótipo da Apple mesmo no meio do dispositivo.

As únicas diferenças deste Apple iPad Air 2 são a ausência do botão mute, se bem que agora podemos fazer isso no Control Center, e o botão central "Home" que agora tem o Touch ID com sensor de impressões digitais, chegando finalmente aos tablets da marca.

Câmara

O Apple iPad Air 2 tem uma câmara iSight de 8 MP capaz de tirar fotos com uma resolução de 3264×2448 pixeis, com uma abertura algo standard de f2.4. Mas...sinceramente quem é que por norma tira fotos com o tablet? Exceptuando-se claro está, todos aqueles(as) iluminados(as) que adoram levar os tablets para todo o lado, inclusive concertos.

Opiniões pessoais à parte, temos uma melhoria significativa neste departamento, também graças ao novo processador que ajuda muito na detecção de caras, na redução de ruído e aumenta a panóplia de opções para edição da imagem. A aplicação da câmara permite-lhe controlar a exposição, modo burst, HDR, o temporizador, vídeo a 1080p FHD com som stéreo, slot-motion a 120fps, fotos panorâmicas, entre outras.

A câmara frontal é mais do mesmo, uns meros 1.2 MP mas pelo menos a Apple melhorou a abertura do sensor para F2.2, portanto as fotos/vídeos com pouca luz serão consideravelmente melhores.

Processador

Aqui é onde as coisas ficam interessantes, o novo Apple iPad Air 2 tem um processador Apple A8X com uma arquitectura a 64-bits, tendo duplicado a performance do seu antecessor, o A7 presente no Apple iPad Air. Além disso, é mais eficiente, permitindo uma autonomia de 10 horas de ecrã, o padrão para iPads.

É um processador invulgar por se tratar de um triplo-core. Sim, 3 núcleos, cada um a 1.5 GHz e nas principais benchmarks mostraram resultados 25% melhores do que o iPad Air original com o processador A7. Em testes multicore os resultados foram ainda melhores, e apesar de não chegar a obter o dobro da pontuação do seu antecessor, o Apple iPad Air 2 esteve lá bem perto e por isso, está de parabéns neste departamento.

Tal como no Apple iPhone 6, temos também um pequeno processador auxiliar, o M8, que trata das informações relativas à localização, altura, pressão, etc. Tudo o que os sensores deste equipamento possam detectar.

Em termos de memória RAM, Aleluia! Temos finalmente 2 GB de RAM. Acho que todo o mundo estava a ficar farto de semelhante teimosia nos 1 GB de RAM, sim até os novos Apple iPad Air 2 deverá suportar bastante melhor várias aplicações abertas ao mesmo tempo sem ter que as suspender tão frequentemente.

Este upgrade tornará o Apple iPad Air 2 mais preparado para o futuro e para todas as aplicações e jogos que os developers possam vir a criar e que tirem partido de todo o poder destes processadores a 64 bits. Os jogos com gráficos ao nível de consola já começam a aparecer!

Quanto à bateria, para variar a Apple não revela a sua capacidade, mas garante que teremos até 10 horas de ecrã ligado com este Tablet do mercado!

Talvez queiras ver:

  • Android Lollipop- todas as novidades!
  • Ipad Mini 3 apresentado Oficialmente

Deixa a tua opinião nos comentários, um Like na página do Youtube .

Aplicação para Android 4Gnews.pt Windows Phone 4Gnews.pt 8 e 8.1 fonte

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.