Uber é expulsa na Colômbia após processo por companhia de táxis

António Guimarães
Comentar

Durante anos, a Uber manteve operações na Colômbia com pouco ou nenhum regulamento legal. De acordo com a Reuters, a plataforma de transporte privado foi completamente banida do país latino, após um tribunal colombiano fechar um processo a favor de uma companhia de táxis.

A companhia de táxis, de nome Cotech SA., processou a Uber acusando a empresa de ter demasiadas vantagens injustas sobre a concorrência. De forma semelhante ao que aconteceu em Portugal, os taxistas entraram em rebeldia contra a Uber, alegando "competição injusta".

Contudo, em vez de aplicar taxas ou regulamentações na empresa de transporte privado, o tribunal decidiu simplesmente banir de uma vez por todas a Uber de operar em território colombiano, terminando as atividades da empresa no país após 6 anos de presença no mercado de transportes privados.

Na Colômbia, a Uber já contava com mais de 2 milhões de utilizadores

Com 6 anos de presença, a Uber já tinha um negócio estável na Colômbia. Além de 2.3 milhões de utilizadores registados no país, a plataforma empregava cerca de 88 mil motoristas. Com a expulsão, milhares de pessoas vão perder os seus empregos ou biscates.

A verdade é que a chegada do Uber teve impacto negativo nos serviços de transporte já estabelecidos, nomeadamente os táxis. Contudo, expulsar a Uber do país não é de todo uma solução viável e constitui uma luta contra o progresso. É provável que, tal como em Portugal, os táxis mantivessem um monopólio.

Contudo, serviços concorrentes com o Cabify ainda operam legalmente na Colômbia e outros países da América Latina. Resta saber se esta expulsão é temporária ou se a Uber nunca mais poderá voltar a operador dentro do território colombiano.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.