Trabalhadores chineses confiam mais em robôs do que colegas humanos, revela estudo

António Guimarães
Comentar

Um estudo feito pela empresa de software Oracle revelou detalhes interessantes sobre a relação entre trabalhadores e robôs com inteligência artificial no trabalho. Na China, por exemplo, cerca de 88% dos trabalhadores confiam mais nas capacidades dos robôs do que dos seus supervisores.

Os trabalhadores explicaram que os robôs simplesmente fazem um melhor trabalho no geral. Tarefas como transmitir informação, manter horários, resolver problemas e gerir orçamentos são mais bem executadas por robôs, afirmam os trabalhadores.

iphone 6
Trabalhadores chineses numa fábrica de iPhones

No entanto, quando questionados sobre o lado humano do trabalho, os trabalhadores preferiram os supervisores humanos. Aspetos como empatia de sentimentos, formação e ambiente de trabalho são obviamente mais bem executados por humanos do que robôs.

A Oracle entrevistou trabalhadores do Brasil, Japão, Austrália, Estados Unidos, Reino Unido e França. No geral a maioria dos trabalhadores questionados confia mais em robôs para o trabalho de gestão. Cerca de 82% das pessoas preferem trabalhar com inteligências artificiais do que com humanos.

Homens tem uma visão mais positiva da inteligência artificial no trabalho que as mulheres

O estudo da Oracle demonstra que 32% dos homens tem uma visão otimista dos robôs e inteligência artificial no trabalho, com apenas 23% das mulheres partilhando a mesma visão.

É dito que as inteligências artificiais correm o risco de serem tendenciosas a favor do sexo masculino. Isto porque a indústria de desenvolvimento de software é composta maioritariamente por trabalhadores masculinos. Uma das situação mais famosas foi a Google ter sido acusada de sexismo por colocar uma voz feminina na sua assistente de voz. A mesma queixa foi feita pela UNESCO em relação à Siri e Alexa.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.