Snapdragon 7 Gen 1 desilude em benchmark AnTuTu

Mónica Marques
Comentar

Ao que tudo indica, a Qualcomm deverá revelar o novo chip Snapdragon 7 Gen 1 em simultâneo com o Snapdragon 8 Gen 1 Plus.

Agora começam a surgir as primeiras informações sobre o preocessador da geração 7 e as notícias que chegam desiludem. O chip registou resultados aquém das expetativas na plataforma AnTuTu.

Snapdragon 7 Gen 1 com apenas 170 mil pontos no benchmarking AnTuTu

Qualcomm Snapdragon 7 Gen 1
O Snapdragon 7 Gen 1 foi superado pelo MediaTek Dimensity 8000 na plataforma AnTuTu

No momento em que apresentar oficialmente o novo chip topo de gama Snapdragon 8 Gen 1 Plus, a Qualcomm deverá revelar também o igualmente novo Snapdragon 7 Gen 1. E agora começam a surgir as primeiras informações sobre este processador que, para já, fica aquém das expetativas.

Na plataforma de benchmarking da AnTuTu, o Snapdragon 7 Gen 1 registou uma pontuação de apenas 170 mil pontos. Para efeitos de comparação, recorde-se que o Snapdragon 778G também da Qualcomm conseguiu obter 160 mil pontos no smartphone Realme Q3S. Esperava-se então que o novo chip superasse, de forma mais significativa, o anterior.

E as más notícias para a Qualcomm não se ficam por aqui. Na mesma plataforma de benchmarking, o rival Dimensity 8000 da MediaTek obteve um pouco mais de 191 mil pontos quando integrado no smartphone OPPO K10. O que significa que a MediaTek conseguiu superar a Qualcomm, mais uma vez e está a revelar-se uma adversária de peso.

Esta é, no entanto, uma informação preliminar uma vez que os testes com o processador Snapdragon 7 Gen 1 foram realizados num protótipo. É expectável que em smartphones comerciais, o chip consiga registar um resultado melhor.

Qualcomm adia anúncio de Snapdragon 8 Gen 1 Plus

A Qualcomm terá sido obrigada a adiar o anúncio e revelação do seu chip Snapdragon 8 Gen 1 Plus e, consequentemente, do Snapdragon 7 Gen 1 também. Tudo devido ao surto de Covid-19 que afetou a cidade chinesa de Zhengzhou e que levou as autoridades do país a decretarem um confinamento obrigatório.

A informação está a ser avançada pelo leaker Digital Chat Station na rede social chinesa Weibo. Por essa razão, a fabricante de processadores terá adiado a apresentação dos chips para o segundo semestre deste ano.

Este adiamento pode levar a que várias marcas de smartphones adiem também o lançamento dos seus novos terminais equipados com estes processadores para s egunda metade de 2022. Desde logo, o Xiaomi 12 Ultra e o Motorola Frontier, ambos com o chip Snapdragon 8 Gen 1 Plus que estavam previstos para serem revelados ainda durante este mês de maio.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.