Samsung pode trazer tecnologia aos smartphones que o mundo já esqueceu

Filipe Alves
6 comentários

Tudo começou quando a Apple se lembrou de ter "coragem" (as suas palavras na apresentação) de tirar a entrada de headphones nos seus smartphones. Tal como a Samsung, outras fabricantes seguiram as pisadas.

Agora, a maior parte dos smartphones não oferecem esta funcionalidade. Uma característica antiga, porém, muito desejada por uma pequena comunidade de utilizadores.

Samsung poderá reviver a entrada de headphones nos próximos smartphones

Samsung Galaxy smartphones tecnologia 3.5 headphones

De acordo com Mauri QHD, um pequeno leaker, a Samsung poderá vir a trazer a entrada de headphones nos seus smartphones de 2021. E ainda que continue com um olhar desconfiado na informação, a afirmação até tem fundamento.

Headphone Jack 👀Samsung -considering- bringing it back, as a risky experiment "to see what happens"for at least 1 yearETA: 2021+some points debated:S = the media will go wild, free publicityNote = ↑↑ + good lineup for experiments, but less revenueim hearing

— Mauri QHD (@MauriQHD) 5 de agosto de 2020

O leaker alega que esta será uma forma de ter uma maior cobertura dos media nos seus próximos topo de gama. Ou seja, se a entrada de headphones chegar em 2021, será nos seus equipamentos topo de gama. Isto é, Galaxy S e Galaxy Note.

O objetivo passa por testar esta característica apenas durante um ano para perceber o impacto que tem nas vendas dos seus smartphones. Depois disso, avaliar se vale a pena continuar a oferecer a funcionalidade.

De críticos a seguidores

A Samsung, tal como muitas outras fabricantes, depois de o iPhone ter retirado a funcionalidade nos seus telemóveis. Decidiu criticar seriamente a opção da Apple.

Contudo, não demorou muito até que seguissem os mesmos passos. A Google, Huawei ou até a pouco falada LG. Todas elas decidiram implementar a entrada USB-C para os auriculares.

Esta decisão não foi feita por mero acaso. Desde o momento que a Apple tirou a entrada 3.5" que os AirPods tem vendidos como pães quentes. Esse foi o primário objetivo e, aparentemente, com sucesso.

Em suma, teremos de esperar para ver se tal se revela verdade. Pessoalmente não acredito que a Samsung volte na sua decisão. Só mostraria que a marca não tinha ideia daquilo que o mercado realmente quer.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.