A mediatização em torno dos casos em que smartphones explodem aconteceu com todo o problema que assolou o Samsung Galaxy Note 7. Os casos relativos a este phablet da Samsung foram de tal maneira preocupantes que levaram a construtora a retirá-lo do mercado e a imprensa tecnológica começou, desde então, a prestar uma atenção especial a casos semelhantes.

Vê também: Samsung confirma Nougat para os Galaxy S7 já em janeiro!

   

Fora o problemático Note 7, tivemos já casos de Galaxy S7, Galaxy S7 Edge, Galaxy S6 e até mesmo de iPhone 6S – estes os mais mediáticos – que sofreram de situações semelhantes e pontuais, mas em momento algum houve caso para alarmismos. Desta feita, voltamos a olhar para um Samsung Galaxy S6 que explodiu na passada véspera de Natal, em Inglaterra.

Segundo o relato da utilizadora lesada Victoria Leeds, ela caminhava calmamente pelo corredor de sua casa quando ouviu um pequeno bang que a fez correr rapidamente para o seu quarto. Quando entrou nessa divisão deparou-se com chamas e faíscas a saírem do seu smartphone, que se encontrava, a carregar, em cima da sua mesa de cabeceira e que, segundo a mesma, parecia fogo de artificio.

O dramatismo desta infeliz história prende-se com o facto de o seu filho de apenas seis meses se encontrar, momentos antes da explosão, a dormir no seu berço, situado na linha de fogo da explosão e que acabou também por sofrer danos. No momento da explosão, o bebe estaria já na cama da mãe.

Mais dramático ainda é o facto de Victoria Leeds se estar a preparar para tomar um banho e caso a explosão se tivesse dado com ela dentro da banheira, os danos poderiam ter sido bem mais avultados do que os que se verificaram. Desta forma, ela foi capaz de pegar no seu pequeno filho e tirá-lo de imediato da divisão onde tudo ocorreu.

Depois do incidente, Leeds contactou a Samsung acerca do sucedido e a marca Sul-Coreana comprometeu-se a fazer uma troca direta do equipamento danificado. Uma semana depois do contanto, esta mulher de 39 anos ainda não foi restituída com um novo Samsung Galaxy S6.

Depois de mais um infeliz incidente, a Samsung publicou uma vez mais um comunicado, no qual voltou a reiterar a segurança deste modelo. A gigante tecnológica afirma ainda que tem estado em contacto com esta cliente, com vista a poder recolher o equipamento e proceder à devida análise para a extração das causas que levaram a este incidente.

Talvez queiras ver:

Windows 10 em novos tablets da Samsung já em 2017

LineageOS 14.1 já se encontra disponível para o OnePlus 3, HTC 10 e mais

Alexa: assistente virtual sugere a criança conteúdo para adultos (+18)

Viaphonearena
Fontemanchestereveningnews
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.