Samsung desvenda novo trunfo fotográfico para smartphones baratos e bons

Rui Bacelar
Comentar

A Samsung acaba de apresentar o novo sensor fotográfico ISOCELL JN1 com 50 MP de resolução e pixeis ainda menores! Com efeito, cada célula luminosa individual - cada pixel - tem apenas 0,64 μm, sendo os menores da indústria a serem produzidos em massa.

O novo componente foi apresentado hoje (10) após alguns teasers. Tem como principal proposta de valor a possibilidade de aumentar a resolução da câmara até 50 MP sem aumentar a espessura dos smartphones, sendo apontado para smartphones mais baratos.

A Samsung acaba de apresentar o sensor fotográfico ISOCELL JN1

A Samsung afirma que o seu novo sensor de imagem tem os pixeis de menor dimensão da indústria. Assim, apesar de contar com 50 MP, o novo componente tem dimensões bastante reduzidas, mais concretamente, com o formato de /2.76 polegadas.

Em jeito de comparação, em 2019 a mesma Samsung havia quebrado recordes com o então maior sensor fotográfico disponível para smartphones, o ISOCELL Slim GH1, também ele um sensor pequeno com 50 MP e pixeis de 0,7 μm.

Por outro lado, como qualquer perito em fotografia será capaz de dizer, quanto menor for o píxel, pior será a qualidade de imagem, com mais grão presente ou ruído digital e artefactos. Princípio imutável à luz da atual engenharia de sensores de imagem.

Então, porque é que a Samsung se esforçou por criar um sensor com píxeis tão reduzidos? Bom, de acordo com a própria o fator-chave é a versatilidade! É um sensor pequeno, com muita resolução, que pode ser aplicado a qualquer smartphone.

O novo sensor ISOCELL JN1 tem uma resolução de 50 MP

ISOCELL JN1

O seu formato reduzido permite a sua incorporação em smartphones ainda mais finos, reduzindo assim também a "corcunda" das câmaras fotográficas.

Por outro lado, pode ser usado como sensor principal nos smartphones baratos ou de gama média como os seus Galaxy A e dispositivos de entrada.

Outra possível aplicação para este novo sensor é a sua utilização com as objetivas ultra-grande angular e/ou telefoto, mantendo o perfil discreto e elegante.

Em síntese, tanto pode reduzir a saliência da câmara principal, como facilitar a implementação em câmaras secundárias.

Desse modo, poderemos ver o novo sensor Samsung presente nos próximos smartphones topo de gama, como nos smartphones mais baratos enquanto câmara principal.

O sensor combina a informação de 4 píxeis em 1

Pixel binning, ou a amálgama da informação colhida por vários píxeis num só. Neste caso concreto, o sensor agrega a informação de quatro células adjacentes numa só, convertendo assim o que seria uma imagem de 50 MP em 12,5 MP. \

Esta será a resolução efetiva das imagens captadas pelo novo sensor Samsung - 12,5 MP. De acordo com a fabricante, esta implementação permite-lhe ter uma maior sensibilidade à luz e, desse modo, produzir melhores imagens.

O novo sensor ISOCELL JN1 está atualmente a ser produzido em massa pelo que não deve tardar a mostrar as suas capacidades nos primeiros smartphones. O anúncio teve direito a comunicado à imprensa e apresentação no YouTube.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.