Samsung confirma oficialmente o fim da linha Galaxy Note

Carlos Oliveira
Comentar

Os indícios eram claros, mas a Samsung recusou repetidamente assumir o fim da linha Galaxy Note. Contudo, essa relutância desapareceu finalmente e a sul-coreana confirmou o fim de uma das suas marcas mais icónicas.

Foi no contexto do Mobile World Congress que o responsável máximo pelos smartphones da Samsung deu a notícia. O nome Galaxy Note vai mesmo desaparecer do portefólio de dispositivos da tecnológica coreana.

Nome Galaxy Note não mais aparecerá em novos smartphones da Samsung

Roh Tae-moon afirmou em Barcelona que "Galaxy Note será lançado como Ultra". Ou seja, aquilo que a Samsung fez este ano com o Galaxy S22 Ultra será para repetir nos próximos anos.

As afirmações deste executivo confirmam o desaparecimento da designação Galaxy Note. Os smartphones que sempre associamos a esta linha permanecerão, mas com uma designação diferente.

O Samsung Galaxy S22 Ultra é um Note em todos os aspetos menos na designação. Desde o seu design robusto e com arestas angulares, ao suporte integrado para a S Pen, estas são as linhas tradicionais daquilo que conhecemos outrora como Galaxy Note.

Galaxy Note foi a linha revolucionária da Samsung durante mais de uma década

O primeiro Samsung Galaxy Note foi apresentado em 2011 como a linha de equipamentos com grandes ecrãs. O primeiro modelo tinha um painel de 5,3 polegadas que, na altura, era considerada enorme.

As dimensões destes painéis foram aumentando nos anos seguintes, até chegarmos ao ponto em que já pouco se diferenciarem da linha Galaxy S. Este era o primeiro sinal de que os Note teriam os dias contados.

Outro ponto diferenciador era a integração da S Pen, uma stylus que veio revolucionar o mercado móvel. Era o acessório ideal para tirar proveito dos grandes ecrãs e um exclusivo dos Note até ao lançamento do Galaxy S21 Ultra, em 2021.

Nota ainda para o facto de os Galaxy Note sempre terem sido a cobaia para a introdução de novas tecnologias no portefólio da Samsung. O reconhecimento de retina ou ecrãs com laterais curvas foram apenas algumas das inovações que seriam posteriormente migradas para a linha Galaxy S.

Também este vetor de inovação perdeu-se com o lançamento da linha Galaxy Z Fold. Não só pelos ecrãs dobráveis, como pelo facto de o Galaxy Z Fold 3 ter sido o primeiro modelo da Samsung com câmara embutida no ecrã.

Chega assim ao fim o reinado de uma das mais icónicas linhas de dispositivos da Samsung. O nome desaparece, mas a filosofia dos Note perdurará nos Galaxy S Ultra.

Editores 4gnews recomendam:

  • Samsung tem uma excelente surpresa para o teu novo Galaxy S22
  • Xiaomi 12: sabe quando os smartphones chegarão à Europa
  • Realme GT2 Pro e Realme GT2 anunciados oficialmente na Europa
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.