Regresso do Touch ID aos iPhone vai deliciar todos os fãs

Carlos Oliveira
Comentar

Muitos esperavam que os iPhone 12 trouxessem novamente um sensor de impressões digitais, muito por culpa daquilo que a Apple fez no novo iPad Air. No entanto, esse desejo acabou por não se concretizar.

No entanto, esse regresso deverá concretizar-se futuramente. Tal como adianta hoje o leaker L0todream, o iPhone vai mesmo acabar por receber o tão desejado Touch ID e acompanhar a tendência do mercado.

MESA uts for iPhone

— 有没有搞措 (@L0vetodream) 16 de outubro de 2020

Touch ID embutido no ecrã do iPhone vai mesmo acontecer

A mensagem deixada por L0todream parece enigmática, mas vou explicar aquilo que ela representa. "MESA" é a designação interna que a Apple adotou para Touch ID. Já "uts" significa "under the screen" que, traduzido, quer dizer debaixo do ecrã.

Ou seja, tal como vários rumores afirmaram anteriormente, a Apple vai mesmo colocar o Touch ID por baixo do ecrã dos seus smartphones. A grande questão é saber quando é que isso acontecerá.

Relativamente a essa questão, L0todream não deixou nenhuma pista, limitando-se a informar que a tecnologia vai mesmo ser implementada. Todavia, um relatório anterior da Bloomberg afirmava que isso deveria acontecer já em 2021.

iPhone

A ser isso verdade, o iPhone 13 poderá ser um marco importante para a linha de smartphones da Apple. Até porque se acredita que a empresa não venha a desistir do Face ID, optando pelo lançamento de um equipamento com as duas formas de desbloqueio.

Embora sejam rumores entusiasmantes, temos sempre de deitar uma boa "dose de sal" neles. Em primeiro lugar, porque ainda é muito cedo para falarmos seriamente dos próximos iPhone e depois porque a fonte não revelou pormenores adicionais sobre o tema.

Para já, quem é fã de iPhone e está à procura de um novo smartphone, já pode encomendar a sua unidade. Os iPhone 12 e 12 Pro estão, a parir de hoje, em fase de pré-venda, com a fase regular a arrancar no dia 23 deste mês. Os restantes modelos chegam às lojas a 13 de novembro.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.