Qualcomm pode incorporar a magia da Leica nos seus Snapdragon

Rui Bacelar
Comentar

Os primeiros detalhes do próximo processador Snapdragon topo de gama foram revelados. Entre as informações divulgadas consta a referência ao nome de código do SoC que sucederá ao Snapdragon 888 da Qualcomm, conhecido como Waipio (SM8450).

O detalhe mais cativante é a presença, apontada, de um novo chip de processamento da imagem com o nome "Leica 1". Isto levanta a possibilidade de a gigante norte-americana estabelecer uma parceria com a lendária fabricante alemã de óticas e câmaras.

A Qualcomm trabalho no sucessor do Snapdragon 888

Qualcomm is already busy testing samples of the SM8450, next year's top phone SoC. Codename is "Waipio", once more named after a place in Hawaii: https://t.co/9Y264lGzwG

— Roland Quandt (@rquandt) 8 de março de 2021

As informações avançadas por Roland Quandt na sua publicação WinFuture e levantam esta possibilidade que animará qualquer entusiasta de fotografia. Em causa está o sucessor do Snapdragon 888 que pode integrar um novo núcleo dedicado à imagem.

De acordo com a mesma fonte, o nome de código Waipio tem por base o vale de Waipi’o no Hawaii, com a Qualcomm a ter fortes laços com este arquipélago. Recordamos, por exemplo, que os eventos de apresentação da marca têm lugar em dezembro, no Hawaii.

De igual modo, a Qualcomm tem vindo a recorrer a nomes de locais e cidades do arquipélago norte-americano para distinguir os novos processadores e produtos em desenvolvimento. Desse modo, o Waipio (SM8450) encontra precedente no histórico da empresa.

O próximo Snapdragon de topo pode incorporar o chip Leica 1

Mais ainda, o próprio número de série - SM8450 - pode ser comparado com o número de série do atual Snapdragon 888 - SM8350 - indicando um salto geracional. É, portanto, muito provável que este seja o sucessor direto para o processador da Qualcomm.

O "motor" está nas primeiras fases de desenvolvimento. Este SoC de próxima geração estará a ser testado internamente com 12 GB de memória RAM LPDDR5 e 256 GB de armazenamento UFS, isto apenas para dar sustento a um dispositivo de teste.

Por outro lado, destacamos a presença de um novo processador dedicado ao processamento da imagem. Trata-se de um chip acessório que estará incorporado no módulo de câmaras, sendo apelidado de Leica 1 e, como o nome implica, deixa antever uma parceria.

Um novo processador de imagem com a perícia da Leica

Qualcomm Snapdragon 888
O processador Snapdragon 888. Crédito: Qualcomm.

A Leica poderá trazer ao próximo processador Snapdragon topo de gama a sua perícia no processamento de imagem. Algo que poderá trazer uma vantagem competitiva para os smartphones que usem este futuro SoC da Qualcomm.

Recordamos que a Leica já trabalhou, no passado, com a Nokia e mais recentemente com a Huawei. Até ao momento a parceria com a Qualcomm não foi confirmada, mas caso se efetive poderá trazer a "magia" da Leica para vários fabricantes Android.

Em 2022 poderemos ver vários smartphones Android topo de gama, ou todos os que usem o próximo SoC da Qualcomm de topo com melhor desempenho fotográfico. É, assim, uma possível parceria que pode beneficiar várias fabricantes de smartphones.

Note-se, contudo, que para já não temos provas sólidas. Apesar de Quandt ser uma fonte fiável, tudo o que sabemos é a existência do nome de código e número de modelo do próximo processador.

De qualquer modo, uma parceria entre a Leica e a Qualcomm pode beneficiar um grande número de telefones. Aguardamos agora por novas provas que confirmem, ou desmintam, esta animadora possibilidade.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.