Plataforma de criptomoedas Bitpoint é hackeada com 28 milhões de dólares roubados

António Guimarães
Comentar

A plataforma japonesa Bitpoint foi vítima de um ataque onde foram roubados 28 milhões de dólares, afetando metade dos seus utilizadores. Desse valor 19 milhões de dólares pertenciam à sua base de utilizadores que já totaliza 110 mil pessoas. O valor restante pertencia à empresa.

Várias criptomoedas foram roubadas durante o ataque

A Bitpoint relatou que diferentes tipos de criptomoedas foram roubadas. Estamos a falar de Bitcoin, Bitcoin Cash, Ethereum, Litecoin a Ripple. Em conjunto, as criptomoedas totalizaram o valor do assalto.

Os hackers atacaram diretamente as 'carteiras' virtuais dos utilizadores, onde são armazenadas as criptomoedas. A Bitpoint não especificou como mas é possível que tenham explorado alguma falha de segurança na plataforma.

A empresa irá recompensar os utilizadores lesados

Genki Oda, presidente da Bitpoint, falou sobre a situação numa conferência de imprensa em Tóquio. Oda, afirma que os utilizadores afetados serão recompensados em criptomoedas, assim que a empresa voltar às operações normais. Para já, a Bitpoint vai suspender o seu negócio.

Um caso semelhante ocorreu em 2018

Durante o ano passado, a japonesa Zaif também sofreu um ataque semelhante por hackers. Em setembro, cerca de 60 milhões de dólares foram roubados. À semelhança da Bitpoint, foram roubados fundos de utilizadores e da empresa.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.