Pequena Grande Vida Matt Damon Downsizing
O novo título com Matt Damon no papel principal – Downsizing.

Quando Alexander Payne, imaginou realizar o filme Pequena Grande Vida. Título original:”Downsizing”, sabia que, estava a criar uma grande ideia que, poderia ter um resultado fantástico.

De facto, presumir que o ser humano pode tornar-se num ser com apenas 12cm em Downsizing. Tendo a finalidade de se reduzir drasticamente a poluição mundial e fazer uma “limpeza”, acabando com lixo e matérias tóxicas, ainda para mais, num mundo onde só existe perfeição, bem-estar e sentimentos bons, pode ser o sonho de qualquer um.

Vê ainda: Samsung Galaxy S9, agora com AR Emoji’s da Mickey e Minnie

Afinal de contas, uma pessoa reduzida a um tamanho tão pequeno, tem a possibilidade de fazer uma vida de milionário sem dinheiro quase nenhum e, se se tiver a proporcionar um bem maior para o mundo, tanto melhor.

Esta parábola em Downsizing, trás para a grande tela Matt Damon, como Paul e Audrey (Kristen Wiig). Um casal que está saturado da vida que tem, das dificuldades que enfrenta e, ao serem iludidos pela ideia de um mundo perfeito, aceitam reduzir de tamanho.

Pequena Grande Vida – Downsizing – Um pequeno mundo com grandes ilusões

A genialidade deste realizador,  já foi comprovada em filmes como “Os Descendentes” (“The Descendants”). Ou mesmo “Nebraska”(respectivamente 2011 e 2013) e, com a expectativa criada de início. Com uma narrativa que, conta uma com uma ideia tão diferente, acabando por ser um pressuposto utópico e com dilemas moralistas. Com isto transformou esta longa-metragem em mais um filme. Aqui, muito embora, se faça usar de efeitos visuais e especiais marcantes, deixa de se centrar no que o poderia tornar um filme espectacular.

Acaba por ser mais um filme comercial. Não se consegue muitas vezes definir, se o espectador assiste a um filme de efeitos especiais. Bem conseguidos para demarcar as personagens. Ou, de uma história fabulosa que nos pode fazer entender o mundo de maneira diferente. Onde, no fundo, mesmo que se criem outras condições a pensar nos impactos ambientais, não será perfeito e depende sempre, do bom senso e equilíbrio da humanidade.

Espera-se um próximo filme de Alexander Payne, surpreendente do início até ao fim.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Mais imagens referem a existência do Apple iPhone SE 2

Pokémon GO: Lugia regressa e login pelo Facebook chega em breve

Finalmente o Android Oreo está a chegar aos Samsung Galaxy Note 8

Sempre gostei da forma como uma história se pode transformar no grande ecrã! Desde que me lembro, sempre fui uma apaixonada por cinema, e procuro também fazer da minha vida um filme apaixonante!