Conferência de imprensa sobre o Samsung Galaxy Note 7
Conferência de imprensa sobre o Galaxy Note 7

A Samsung passou por graves problemas no ano passado depois do seu flagship, Galaxy Note 7, ter começado a apresentar problemas na bateria e mesmo a explodir. Situação que levaria a que a marca sul-coreana retirar o equipamento do mercado.

Mas bem, errar é humano e esse mau momento já passou. Hoje, depois de vários meses de investigações, a marca revelou finalmente as conclusões das peritagens e as causas dos problemas nas suas baterias.

Aprendendo com os erros e prezando, acima de tudo, a segurança e confiança dos consumidores, a Samsung apresentou-nos agora o seu novo e reforçado programa de testes a que submeterá as baterias dos seus futuros terminais.

   

Os 8 pontos da Samsung para uma bateria segura

Este programa é constituído por 8 etapas, 8 pontos de controlo da qualidade. Temos testes Raio-X, testes de durabilidade e desmontagem, inspecção visual e um teste de tensão de circuito aberto Delta (que avalia as mudanças de tensão ao longo do processo de fabrico).

Os nossos smartphones estão cada vez mais poderosos, elegantes e delgados, aumentando também a necessidade de controlo rigoroso de todos os seus componentes, para que toda esta energia não seja libertada de forma catastrófica.

Colocando a segurança dos consumidores acima de tudo, a Samsung ainda não ficou satisfeita e implementou novas medidas para reforçar o controlo de qualidade das suas baterias.

Recuperar a confiança na Samsung é fulcral

Samsung Galaxy Note 7
Controlo de qualidade da Samsung

É vital para o sucesso da empresa sul-coreana recuperar a confiança dos consumidores, uma tarefa que nunca será fácil. O ser humano é rápido a julgar e a formular preconceitos. Escusado será dizer que o Samsung Galaxy S8 terá uma grande responsabilidade assim que for lançado, algures entre março e abril deste ano.

Estes controlos adicionais são compostos por testes de uso acelerado e um teste de carga e descarga. Criando também um grupo composto por investigadores e especialistas externos para garantir que a empresa continua com uma “perspectiva clara e objetiva no que toca à segurança e inovação das suas baterias”.

Podemos ver qua Samsung está bastante empenhada no reforço da segurança dos seus equipamentos, estando bastante ciente da responsabilidade que recai sobre os seus ombros enquanto líder de vendas de dispositivos Android.

Para que os infelizes acontecimentos do passado não se repitam é necessário um esforço concertado de vários setores de atividade. Além disso, a Samsung está também empenhada em recuperar a confiança dos seus consumidores, achas que vão conseguir?

Talvez queiras ver:

HTC Halfbeak: Smartwatch da HTC mostrado em mais fotografias

Noruega abandonará o Windows Phone, Android será o novo rumo!

Samsung não apresentará o Samsung Galaxy S8 na MWC17

Viaandroidauthority
FonteSamsung

Sempre tive uma certa paixão por tecnologia, mas foi algo que se intensificou a cerca de um ano quando comecei a acompanhar mais o mundo mobile. Pretendo com esta colaboração trazer-te o melhor das novidades tecnológicas aqui na 4gnews!
Espero que gostem do meu contributo.