OPPO Find X6 garante o Snapdragon 8 Gen 2 da Qualcomm

Rui Bacelar
Comentar

A próxima iteração da gama Find X será revelada no início de 2023 pela OPPO. Aí, contamos com pelo menos dois novos smartphones Android de gama alta, o OPPO Find X6 Pro, bem como a versão standard para esta linha de produtos premium.

Entre os destaques esperados, temos agora a primeira confirmação. Em causa está o novo processador premium da Qualcomm, o Snapdragon 8 Gen 2 que alimentará os melhores smartphones Android da OPPO a chegar ao mercado nacional no próximo ano.

Snapdragon 8 Gen 2 alimentará os próximos smartphones OPPO Find X

Qualcomm Snapdragon

Tal como a própria deu a saber, o Snapdragon Summit 2022 foi também palco do anúncio da sua parceria com a Qualcomm Technologies, Inc. relativa a gráficos ray tracing para dispositivos móveis.

Em simultâneo, a OPPO também divulgou os avanços alcançados nesta colaboração com a Qualcomm e a Google. Mais concretamente, nos esforços para implementar o Google Vertex AI Neural Architecture Search (Google NAS) num smartphone pela primeira vez.

De acordo com a fabricante, a nova solução aumentará a eficiência energética e a latência do processamento de IA em dispositivos móveis.

Para além disso, e já esperado, a OPPO anunciou que usará o mais recente processador Snapdragon 8 Gen 2 nos seus próximos modelos topos de gama, os Find X. Assim, oferecendo um crescimento qualitativo significativo nas experiências de vídeo, gaming e conectividade aos utilizadores móveis no mundo inteiro.

Capacidades de IA e gráficos com Ray Tracing são alguns dos destaques

Qualcomm OPPO

A propósito, Pete Lau, vice-presidente e diretor de produtos da OPPO, considera: "A colaboração da OPPO com a Qualcomm Technologies atingiu um novo estágio. Juntos, realizámos pesquisas em várias áreas de tecnologia de ponta que apoiarão o desenvolvimento e a implementação de tecnologias inovadoras em dispositivos móveis."

"Aproveitando a vasta experiência da OPPO em gráficos móveis e IA, e os vastos recursos do novo Snapdragon 8 Gen 2, a OPPO e a Qualcomm Technologies proporcionaram um avanço relevante na tecnologia móvel de ray tracing e trouxeram o Google NAS para os smartphones. Estamos ansiosos por dar seguimento a esta parceria e podermos alargá-la a outras áreas, assegurando mais tecnologia de ponta aos vários utilizadores em todo mundo". Frisa o executivo da OPPO.

New levels of visual detail and next-level gaming coming to our next Find X Series flagship! Stay tuned. https://t.co/kcAOYa8m5D

— Pete Lau (@PeteLau) 16 de novembro de 2022

Desse modo, como o primeiro fabricante de smartphones a fornecer uma solução de ray tracing de código aberto para dispositivos móveis. Nesse sentido, a OPPO colaborou com a Qualcomm Technologies para otimizar software com base no novo processador Snapdragon 8 Gen 2.

Aliás, estas otimizações permitem que a tecnologia ray tracing da OPPO seja aplicada em cenários de jogo complexos e de grande escala em dispositivos móveis.

Ao correr um jogo num dispositivo com processador Snapdragon 8 Gen 2, com vários efeitos de ray tracing ativos, os principais títulos para dispositivos móveis podem ser executados a 60 FPS constantes. Desse modo, proporcionando sombras e reflexos suaves para a mais alta qualidade de imagem.

.@oppo’s Yizhen Tian is on stage to talk about the company’s deep ray tracing implementation #SnapdragonSummit pic.twitter.com/0EAGxjPsXD

— Anshel Sag (@anshelsag) 16 de novembro de 2022

O melhor de tudo? Em comparação com a geração anterior de software, a eficiência de renderização do ray tracing é cinco vezes superior e a carga de trabalho da CPU reduziu cerca de 90%.

Estes avanços permitirão que a indústria de jogos para dispositivos móveis mitigue a sua dependência de softwares de simulação para obter efeitos de ray tracing. Aliás, ao invés, traga iluminação avançada e ultrarrealista para cenários de jogo complexos e em larga escala nos dispositivos móveis.

OPPO estende também a sua cooperação com a Google

We're working with @Qualcomm and @Google to enhance future AI capabilities on mobile devices 🦾 for greater energy efficiency and hardware friendliness!

— OPPO (@oppo) 17 de novembro de 2022

Além da cooperação na tecnologia móvel ray tracing, a OPPO tem trabalhado com a Qualcomm Technologies e a Google para aprimorar os futuros recursos de IA em dispositivos móveis.

A OPPO integrou com sucesso a recompensa de energia de hardware no Google NAS pela primeira vez.

Por meio de otimizações nos algoritmos de IA com base nas características específicas do chip, a implementação da OPPO consegue uma redução de 27% na energia gasta pelo algoritmo de deteção do alvo.

Opera também uma redução de 40% na latência de computação. Juntas, estas melhorias permitirão que os modelos de IA sejam treinados com maior eficiência energética e sejam mais “hardware friendly” num período mais curto.

Por fim, aguardamos agora por mais novidades da próxima gama de smartphones OPPO Find X, com a certeza da sua chegada no início de 2023. Porém, até lá, contamos ter mais novidades.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@4gnews.pt