O futuro da Huawei pode ser decidido na próxima reunião na Casa Branca nos EUA

António Guimarães
Comentar

Está marcada uma reunião para segunda-feira na Casa Branca, em Washington DC. A reunião tem como assunto 'assuntos económicos' e é claro, a situação da Huawei com os Estados Unidos.

Estarão presentes executivos de empresas como Google e Micron, além de representantes do governo. Este poderá ser o primeiro passo a uma normalização dos negócios americanos com a empresa chinesa.

Será desta que removem a Huawei da 'lista negra'?

Tudo isto começou com a declaração de Donald Trump na cimeira G20. O Presidente norte-americano afirmou que a Huawei iria poder voltar a comprar tecnologia americana. Entretanto, o assunto ficou a 'marinar' pois essa decisão ainda não foi oficializada.

É necessário que o Departamento do Comércio dos Estados Unidos remova a Huawei da lista de proibições. Talvez esta reunião tenha uma conclusão positiva para a Huawei e as coisas voltem ao normal.

Afinal, o HongMeng OS não irá substituir o Android

Uma das executivas da Huawei, Catherine Chen, afirmou que o sistema operativo desenvolvido pela Huawei não está destinado para uma substituição total do Android.

Na verdade, o chamado HongMeng OS servirá para correr em routers, data centers, computadores e até tablets. Entretanto, os telemóveis irão continuar a utilizar o Android para já.

Isto não significa que a Huawei tenha desistido dos seus planos de criar uma alternativa ao Android. É provável que nos bastidores, a gigante chinesa continue a trabalhar para se proteger de futuras investidas por parte de governos mundiais.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.