Nothing Phone 1: smartphone promete surpreender também no software

Rui Bacelar
Comentar

A Nothing vai apresentar o seu primeiro smartphone Android no início da próxima semana. Mais concretamente, a 12 de julho com evento dedicado ao novo telemóvel e possivelmente aos novos gadgets que o acompanharão. Entretanto, temos mais novidades sobre o dispositivo móvel e o respetivo software que o pode integrar.

Em causa está o projeto de sistema operativo / interface Ambiente OS desenvolvida por outra promissora fabricante que acabaria por não singrar no mercado, a Essential. Esta foi, com efeito, a empresa de Andy Rubin, apelidado de "pai do Android", que chegou a anunciar um smartphone Android com venda livre, o Essential Phone (1) a 30 de maio de 2017.

Ambient OS da Essential é agora propriedade registada da Nothing

Nothing Ambient OS is finally a registered European Union trademark.Plus, a bunch of AIoT launches could be expected after the Phone (1) launch.#Nothing #NothingPhone1 pic.twitter.com/3caxTTpk3h

— Mukul Sharma (@stufflistings) 6 de julho de 2022

Agora, o Ambiente OS desenvolvido pela Essential (empresa adquirida pela Nothing), passa a pertencer exclusivamente à firma de Carl Pei. A partir daqui, com o registo da marca Ambient OS como pertencente à jovem empresa do co-fundador da OnePlus, podemos ver um reforço do software a marcar presença no seu primeiro smartphone, o Nothing Phone (1).

As informações foram avançadas primeiramente pelo leaker Mukul Sharma através do seu perfil de Twitter @stufflistings. Importa ainda frisar que este registo de marca é válido na União Europeia, mercado crucial para a Nothing, pelo menos nesta primeira fase da empresa tecnológica.

Mais concretamente, a marca Ambient OS foi registada junto do European Union Intellectual Property Office (EUIPO) pela Nothing, a sua nova e legítima detentora.

O Nothing Phone (1) terá ecrã com alta taxa de atualização a 120 Hz

Nothing Phone (1) to feature a 120Hz adaptive refresh rate display (/nothing Tiktok). Plus, the pre-order passes are live on Flipkart.#Nothing #NothingPhone1 pic.twitter.com/hzpDShZYyC

— Mukul Sharma (@stufflistings) 6 de julho de 2022

Atualmente a tecnológica de Carl Pei ultima os preparativos para a apresentação do seu primeiro smartphone. Aliás, acima podemos ver uma das últimas confirmações para o Nothing Phone (1), a taxa de atualização adaptável até 120 Hz. Desse modo, teremos mais fluidez na apresentação dos conteúdos e uma melhor preservação da energia, contribuindo para a autonomia de bateria.

Esta integração do software previamente desenvolvido pela Essential sinaliza o interesse da Nothing em desenvolver o seu próprio ecossistema de produtos IoT. De momento a empresa dispõe de auriculares Bluetooth TWS que poderão ser atualizados durante o próximo evento de apresentação.

Ambient OS será a base para o ecossistema IoT da Nothing

Todavia, torna-se assim razoável esperar novos gadgets e produtos inteligentes da Nothing a ir muito além dos smartphones. Acreditamos que a empresa venha a desenvolver novos equipamentos IoT para o lar, muito à semelhança da Google Nest, ou do ecossistema de produtos Amazon Echo.

Por fim, segundo uma publicação especializada em automação e smart home, o Ambient OS é uma plataforma "IFTT em esteroides", pelo que as suas possibilidade ainda nos poderão surpreender.

Até lá, temos também a confirmação do lançamento (e oferta a alguns consumidores) dos NFT's da própria Nothing.

This is Nothing Community Dots.We are all Nothing. Dots in the huge improbable scheme of everything. But let these seemingly small, insignificant dots connect. Then something begins. See thread below. ⬇️ pic.twitter.com/VKIDuEKSoM

— Nothing (@nothing) 5 de julho de 2022

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com